Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 15-03-2007

SECÇÃO: Última Página

Cabeceiras vestiu-se de vermelho
Luís Filipe Vieira inaugura Casa do Benfica

O presidente do Sport Lisboa e Benfica, Luís Filipe Vieira, deslocou-se, no passado dia 10 de Março, a Cabeceiras de Basto para inaugurar a Casa do Benfica desta localidade.

Os dois presidentes (da Câmara e do Benfica) num abraço fraternal
Os dois presidentes (da Câmara e do Benfica) num abraço fraternal
Muitas centenas de adeptos e simpatizantes do clube da águia deslocaram-se ao nó da autoestrada, A-7, em Arco de Baúlhe, para receberem em festa o dirigente máximo do Benfica.
Integrando uma caravana automóvel, Luís Filipe Vieira, acompanhado de outros dirigentes benfiquistas e do presidente da Casa do Benfica de Cabeceiras de Basto, Prof. Mário Leite, foi recebido à entrada dos Paços do Concelho pelo presidente e vice – presidente da Câmara, Engº Joaquim Barreto e Dr. Jorge Machado, respectivamente, e ainda pelo presidente da Assembleia Municipal, Dr. Serafim China Pereira.
Já no interior do Salão Nobre do município o Engº Joaquim Barreto deu as boas-vindas ao líder da Direcção do Benfica, realçando, ao mesmo tempo, o tributo dado por este clube na promoção do desporto em Portugal e na divulgação e projecção do nome do nosso país no estrangeiro. A grandeza do clube e a sua importância social e desportiva aquém e além fronteiras que fazem dele um dos maiores clubes do mundo, foi também sublinhada pelo autarca.
Não negando o seu benfiquismo de há muitos anos, o presidente da Câmara Municipal esclareceu, a propósito que a Autarquia é de todos e tem estado aberta para receber os responsáveis institucionais que venham por bem a Cabeceiras de Basto. Aludiu, na ocasião, a idêntica recepção efectuada há algum tempo ao presidente do F. C. Porto, Pinto da Costa.
Por sua vez, Luís Filipe Vieira mostrou-se muito sensibilizado e contente pela recepção entusiástica de que foi alvo deixando clara uma mensagem de esperança nos êxitos desportivos e, particularmente, nas provas de futebol em que se encontra envolvido. A meta de atingir os 300 mil sócios para assim transformar o Benfica no maior clube do mundo, foi outra nota curiosa deixada pelo presidente do clube encarnado.
A pé e sempre muito saudado pelos adeptos, Luís Filipe Vieira e comitiva deslocaram-se para a Casa do Benfica, localizada na Boavista, nesta vila, onde decorreu uma breve cerimónia de bênção e inauguração das instalações, após o que decorreu, no Pavilhão Gimnodesportivo local um almoço comemorativo com a presença de cerca de 400 pessoas.
Ao terminar o repasto e depois daquele dirigente benfiquista ter andando de mesa em mesa a contactar com os adeptos presentes e a distribuir autógrafos, a que não faltou a famosa água, o Prof. Mário Leite agradeceu a visita, que constituir uma jornada memorável para os benfiquistas desta terra e também um incentivo aos directores e associados da Casa do Benfica.
Tornar esta Casa numa grande associação, com vista ajudar e a engrandecer ainda mais o clube foi ainda um dos compromissos assumidos pelo seu presidente que terminou por deixar um obrigado especial a todos os que colaboraram nesta festa.
Com palavras de apreço e de fervor clubista pela inauguração de mais uma Casa do Benfica, a 180ª que classificou de “braço armado” do clube, Luís Filipe Vieira deteve-se, por alguns minutos, nas polémicas questões do caso “apito dourado” e da justiça desportiva, terminando com um sonante viva ao Benfica.

© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.