Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 07-10-2013

SECÇÃO: Política

Partido Socialista ganha as eleições em todas as frentes

China Pereira é o novo Presidente da Câmara Municipal
China Pereira é o novo Presidente da Câmara Municipal
O Partido Socialista mantém-se a força política mais votada para a Câmara e Assembleia Municipal e vence as eleições em oito das doze candidaturas às freguesias e uniões de freguesias que compõem o atual mapa administrativo do concelho. Com efeito, Outeiro e Painzela foram agregadas a Refojos de Basto, Passos agregada a Alvite, Vila Nune ao Arco de Baúlhe e Vilar de Cunhas a Gondiães, mantendo-se tal como existiam anteriormente as freguesias de Abadim, Basto, Bucos, Cabeceiras de Basto, Cavez, Faia, Pedraça, e Riodouro.
O PS fica com a presidência de oito freguesias ou uniões de freguesia. A União de Freguesias de Gondiães e Vilar de Cunhas a que concorreram apenas duas listas, CDU e um grupo de cidadãos, será presidida por um militante socialista, enquanto que Basto será presidida pela coligação PSD/CDS e as freguesias de Cavez e Pedraça por candidatos da lista dos Independentes. Em termos de votação para as Assembleias de Freguesia o PS obteve 5322 votos (47,2%), os Independentes 2694 (23,9%) e a coligação PSD/CDS 2625 (23,3%).
Joaquim Barreto foi eleito para a Assembleia Municipal
Joaquim Barreto foi eleito para a Assembleia Municipal
Para a Assembleia Municipal os eleitores Cabeceirenses votaram maioritariamente na lista do PS, encabeçada pelo Eng. Joaquim Barreto, que obteve 4946 votos (43,8%). Os Independentes obtiveram 4127 votos (36,6%), o PSD/CDS 1651 votos (14,6%) e a CDU 185 votos (1,6%).
O Dr. Serafim China Pereira mereceu a confiança de 4.976 eleitores (44,1%) e será o próximo presidente da Câmara Municipal. O PS terá 3 mandatos. Os Independentes, obtiveram 4536 votos (40,2%) e elegeram três vereadores, enquanto que a coligação PSD/CDS obteve 1355 votos tendo eleito um vereador.
foto
O eleitorado votou maioritariamente nas listas do PS e no seu programa, o qual expressa pretender ser de continuidade do trabalho desenvolvido pelos autarcas deste Partido ao longo dos últimos vinte anos em Cabeceiras de Basto, onde se manteve, desde 1993, como presidente da Câmara o Eng. Joaquim Barreto. «Foram anos de grande atividade municipal que conseguiram um nível de desenvolvimento e progresso do concelho que é reconhecido até pelos seus opositores», afirmam os socialistas.
Serafim China Pereira disse querer continuar a aprofundar e a valorizar este trabalho para bem de Cabeceiras de Basto e dos Cabeceirenses.
foto
No distrito de Braga
e nas Terras de Basto

No distrito de Braga e nas Terras de Basto

Numa análise ao distrito de Braga e no que se refere às 14 câmaras municipais, o PS ganhou em sete municípios, entre eles Cabeceiras de Basto, Fafe, Guimarães, Vizela, Barcelos, Terras de Bouro e Amares, e o PSD/CDS conquistou outros sete, sendo eles Braga, Vieira do Minho, Famalicão, Celorico de Basto, Esposende, Vila Verde e Póvoa de Lanhoso.
Refira-se que o Partido Socialista venceu a Câmara de Amares que era liderada pelo independente José Barbosa, ao passo que os concelhos de Braga e Vieira do Minho, até então sob a liderança dos socialistas Mesquita Machado e Jorge Dantas, foram conquistadas pelo PSD/CDS. No que se refere às Terras de Basto, o PS venceu em Ribeira de Pena e mantém as presidências de Cabeceiras de Basto e Mondim de Basto. Celorico de Basto continua sob a liderança do PPD/PSD.






































































































































© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.