Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 08-07-2013

SECÇÃO: Informação

Investimento ronda os 65 mil euros

Presidente da Câmara entregou bolsas de estudo
Presidente da Câmara entregou bolsas de estudo
Câmara Municipal entrega 94 bolsas de estudo

Realizou-se no passado dia 5 de julho a cerimónia de entrega de bolsas de estudo relativa ao ano letivo de 2011/2012, uma cerimónia que decorreu no Salão Nobre dos Paços do Concelho, onde se juntaram os bolseiros cabeceirenses, assim como os seus familiares e amigos. No total, foram entregues 94 bolsas de estudo, num investimento de 64.464,64 euros.
Francisco Alves esteve presente
Francisco Alves esteve presente
A ação, realizada no âmbito do Regulamento da Concessão de Apoio a Estratos Sociais Desfavorecidos do Município, contou com a presença dos presidentes da Câmara e da Assembleia Municipal de Cabeceiras de Basto, Eng. Joaquim Barreto e Dr. China Pereira, da vice-presidente da Câmara, Margarida Coutinho, dos vereadores Dr. Domingos Machado e Francisco Pereira, dos presidentes e representantes das Juntas de Freguesia, entre outros autarcas e público em geral.
De salientar que num universo de 183 candidaturas, foram entregues 94 bolsas de estudo. Esta é uma medida municipal, implementada pelo executivo cabeceirense a partir do ano letivo de 1996/1997. Desde essa data até hoje foram já atribuídas 510 bolsas de estudo, num investimento que ultrapassa os 371 mil euros.
Presidente da Assembleia com umas das bolseiras
Presidente da Assembleia com umas das bolseiras
Na sua intervenção, o presidente da Câmara Municipal reconheceu o bom aproveitamento escolar, o mérito, a dedicação, o esforço e empenho obtidos pelos jovens bolseiros, desejando-lhes sucesso para o futuro.
Joaquim Barreto disse que estas bolsas de estudo “são um investimento nos jovens e um incentivo à continuação dos seus estudos”. São igualmente “um auxílio económico aos pais para ajudar a colmatar as despesas das famílias com a educação”, revelando-se esta “uma medida proativa que promove a igualdade de oportunidades, premiando o mérito dos jovens estudantes que frequentam o ensino secundário e superior.
Por seu turno, o presidente da Assembleia Municipal, Dr. China Pereira, destacou a importância das bolsas de estudo, afirmando-se conhecedor da alegria que pais e alunos sentem por verem reconhecidos os seus esforços, uma vez que, ele próprio, filho de gente humilde, foi bolseiro da Fundação Calouste Gulbenkian, desde o ensino secundário até à conclusão do seu curso de Medicina.
China Pereira sublinhou que “esta é uma medida de humanismo que cria equidade social”, dando os parabéns aos alunos e encarregados de educação, assim como à Câmara Municipal pela iniciativa implementada desde 1996. “O melhor investimento é nas pessoas, na sua educação e formação”, finalizou o presidente da Assembleia Municipal de Cabeceiras de Basto.

© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.