Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 26-03-2012

SECÇÃO: Informação

Ricardo Dourado na Moda Lisboa

foto
Ricardo Dourado, talentoso cabeceirense, marcou uma vez mais presença na Moda Lisboa. Um certame de grande prestígio que anualmente apresenta o que de melhor produzem os nosso criadores.
Nesta que foi a 38ª edição da Moda Lisboa, o designer apresentou-se ao público, no dia 11 de Março, com “Rioters”, o nome da Colecção Outono-Inverno de Ricardo Dourado, um nome que marca a atitude da roupa e dos modelos.
Segundo informação divulgada trata-se de “uma colecção que se inspira no hip hop e na cultura do ghetto para colocar sobre a passarela peças com silhuetas largas e detalhes “bling” em dourado como as clássicas estrelas dos carros Mercedes que muitas vezes acabam por enfeitar casacos de jovens.  Simbologia militar nos estampados para vestir uma tribo guerreira".
"A roupa de Ricardo Dourada é jovem, divertida mas sobre tudo é inteligente. Camisolas com volume, super posições de peças e coletes com cortes vestem jovens “de bairro”.  Os fechos, brilhantemente dourados, acabam em estrelas de carros num simbolismo evidente ao amor pelas marcas no ghetto.  Roupa escura em que o preto marcou o ritmo e abriu-se apenas para o azul eléctrico.  Propostas de tecido tratado para conseguir tons metalizados brilhantes que davam o toque “ghetto-fabulous” para as noites.  Coletes de dimensões extra grandes para fazer casacos compridos.  Bombers com aplicações de pele e calções por cima de leggings largos para um aspecto de guerreiro. 
A música, em colaboração com André Granada, foi um factor chave para o sucesso da colecção. Azelia Banks e  Zebra Katz, as musicas que animaram as colecções parisienses criaram a atmosfera perfeita. O desfile fechou com “We found love” de Rihanna e ainda bem que nos também o encontramos na colecção de Dourado.”
Está de parabéns este jovem cabeceirense que tem vindo a dar provas no mundo da moda, trilhando um caminho nem sempre fácil, muito competitivo e dispendioso, mas cujo talento e determinação o tem mantido no topo dos criadores de maior projeção nacional.

© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.