Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 25-07-2011

SECÇÃO: Informação

20 de Agosto

foto
Cavez acolhe XXII Festival Folclórico de Basto

O largo do Souto, na vila de Cavez, vai servir uma vez mais de cenário para a realização da 22ª edição do Festival Folclórico de Basto.
Uma iniciativa, a ter lugar no dia 20 de Agosto, organizada pela Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto e pelo Rancho Folclórico S. João Baptista de Cavez, com o apoio da Emunibasto, da Junta de Freguesia de Cavez e do Grupo Desportivo de Cavez. O certame tem como objectivo promover os valores culturais, as tradições etnográficas e a música popular portuguesa, ao mesmo tempo que aproveita a presença de muitos emigrantes de férias para lhes proporcionar o contacto com as suas raízes.
Em palco estarão quatro grupos, sendo dois locais, nomeadamente o Rancho S. João Baptista de Cavez e o Grupo Folclórico de S. Nicolau e os restantes provindos de Gondomar e Matosinhos, respectivamente, a Associação Recreativa Folclórica de Fânzeres e o Grupo Folclórico da Casa do Povo de Santa Cruz do Bispo.
Os Ranchos convidados vão certamente proporcionar um animado espectáculo folclórico e etnográfico, desfilando os trajes, as músicas e as danças tradicionais e assim reflectindo os usos e costumes das respectivas regiões, que registarão com certeza o agrado do numeroso público que anualmente acorre àquele local central da freguesia de Cavez para assistir ao Festival.
O programa propriamente dito começa às 19h00m com a concentração dos grupos na Escola da Ferreirinha, onde irão saborear a gastronomia local e conviver, seguindo-se, pelas 21h00m, o desfile etnográfico até ao Largo do Souto, em Cavez. Após a entrega das lembranças pelo presidente da Câmara Municipal e demais autarcas e elementos da organização, o Festival terá início pelas 21h30m. Para encerrar o XXII Festival Folclórico de Basto, será proporcionada uma sessão de fogo de artifício.
Ao dinamizar este tipo de iniciativas, a Câmara Municipal pretende promover a riqueza cultural reflectida nas tradições etnográficas e na música popular destas terras e do país, ao mesmo tempo que aproveita a presença de muitos emigrantes em férias neste concelho para lhes proporcionar um tipo de espectáculo que apreciam.

© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.