Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 21-03-2011

SECÇÃO: Educação

Serafim China Pereira - Efectivo
Serafim China Pereira - Efectivo
Pela Câmara
Câmara designa representantes do Município para o Conselho Geral Transitório do Agrupamento de Escolas de Cabeceiras de Basto

Sob a presidência do Engº Joaquim Barreto, reuniu no dia 10 de Março, a Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto.
Dos assuntos tratados, o destaque foi para a designação dos representantes do Município para o Conselho Geral Transitório do Agrupamento de Escolas de Cabeceiras de Basto.
Fernando Basto - Efectivo
Fernando Basto - Efectivo
Dr. Serafim China Pereira, Presidente da Assembleia Municipal de Cabeceiras de Basto, António Fernando Ferreira Basto, Presidente da Assembleia Geral da Probasto e membro do Conselho Municipal de Segurança e Drª Irene Fontes, dirigente da Câmara Municipal com responsabilidades no sector do pessoal, são os três elementos efectivos designados pelo executivo para fazer parte deste órgão que integra na totalidade 21 elementos em representação do pessoal docente, não docente, pais, encarregados de educação, alunos, município e comunidade local. Como suplentes foram ainda indicados a Drª Maria de Fátima de Neiva Oliveira e Luís Filipe Gonçalves da Silva.
Irene Fontes - Efectivo
Irene Fontes - Efectivo
Recorde-se que com a formação do Agrupamento de Escolas de Cabeceiras de Basto, que surgiu em Agosto de 2010 na sequência da extinsão dos Agrupamentos de Escolas de Refojos e de Arco de Baúlhe, o conselho geral é o ‘novo’ órgão de direcção estratégica responsável pela definição das linhas orientadoras da actividade da escola, assegurando a participação e representação da comunidade educativa, nos termos e para os efeitos do nº4 do artigo 48º da Lei de Bases do Sistema Educativo.

Município de Cabeceiras de Basto parceiro activo no sector da educação

O Município de Cabeceiras de Basto tem sido ao longo dos anos, um parceiro activo neste sector assumindo os desafios preconizados na Carta Educativa concelhia, tendo em vista um projecto educativo mais amplo de e para o concelho.
Fátima Oliveira - Suplente
Fátima Oliveira - Suplente
Por outro lado, a escola a tempo inteiro estimulou o aparecimento de novas actividades destinadas aos alunos. Actividades essas, que exigem um maior acompanhamento de todos os agentes educativos, nomeadamente da Câmara Municipal que tem responsabilidades directas em sectores como, no fornecimento de refeições nas cantinas escolares (assumindo no ano transacto valores que ascenderam os 100 mil euros), nos transportes escolares (nos quais suportou no ano passado, cerca de 355 mil euros), no prolongamento de horário - componente de apoio à família, na acção social escolar, bem como, nas actividades de enriquecimento curricular, representando assim, um trabalho alargado, de muita responsabilidade, que bem desenvolvido contribui grandemente para o sucesso educativo.
Luís Filipe Silva - Suplente
Luís Filipe Silva - Suplente













© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.