Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 21-03-2011

SECÇÃO: Informação

Cabeceiras de Basto: centro histórico cada vez mais atractivo

Na Rua Dr. Agostinho Moutinho, traseiras da Praça da República, em Cabeceiras de Basto, a Câmara Municipal deu início à construção de um passeio, o que implicou a execução de muros de suporte do arruamento e das vedações das propriedades.

Novos muros e vedações em construção
Novos muros e vedações em construção
De realçar nesta obra a boa colaboração que a Câmara Municipal obteve dos proprietários de todas as parcelas ao longo da rua, uma vez que todos aceitaram ceder gratuitamente o terreno necessário para a construção do passeio, permitindo assim requalificar aquela artéria e criar melhores condições de segurança para os peões.
Este arruamento, situado no centro da vila de Cabeceiras de Basto, apresentava-se desajustado especialmente para o trânsito de peões, mas também para o trânsito de automóveis.
Com esta intervenção consegue-se um melhor ordenamento do trânsito, que aumentará a fluidez e a segurança rodoviária numa das artérias que serve para o escoamento do trânsito da Praça da República.
Prédio devoluto foi demolido
Prédio devoluto foi demolido
De salientar que esta obra se insere numa política muito mais vasta levada a cabo pela Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto de urbanização no centro da vila e de toda a envolvente do Mosteiro de S. Miguel de Refojos, que teve início com a beneficiação da Praça da República, em 2005.
Ao longo dos últimos anos, o centro histórico foi conquistando uma nova dimensão. Para além da beneficiação da Praça da República foi efectuada uma intervenção no Parque do Mosteiro e, mais recentemente, executada a obra de prolongamento e requalificação da Rua Dr. Agostinho Moutinho, intervenções a que se irá juntar, a curto prazo, a recuperação da Ribeira de Penoutas e das Casas dos Caseiros da Quinta do Mosteiro, nas traseiras do Mosteiro de S. Miguel de Refojos, no âmbito do projecto de Regeneração Urbana, que incluirá também a construção do Parque Verde.
Com todo este projecto de intervenção na sede da vila, que acolhe dois ex-líbris de Cabeceiras de Basto – o Mosteiro e o Basto – o centro tornar-se-á mais atractivo e mais dinâmico, cativando um cada vez maior número de turistas a esta terra de Basto.

© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.