Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 28-02-2011

SECÇÃO: Informação

Curso de Especialização Tecnológica arrancou fruto de parceria entre a Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto e o IPCA

Dezasseis alunos dos concelhos de Cabeceiras de Basto e Celorico de Basto iniciaram no dia 14 de Fevereiro, o Curso de Especialização Tecnológica (CET) na área do Desenvolvimento de Produtos Multimédia do Instituto Politécnico do Cávado e do Ave (IPCA).
A formação que doravante decorre nas instalações do edifício do Mercado Municipal de Cabeceiras de Basto tem como objectivo formar profissionais que, de forma autónoma ou integrados em equipas, desenvolvam soluções de informação e comunicação recorrendo a tecnologias multimédia.

Curso conta com 16 formandos
Curso conta com 16 formandos
A formação, que tem uma carga horária de 1520 horas, termina em meados de Junho de 2012 e integra um estágio em contexto de empresa equivalente a 520 horas.
No final do Curso de Especialização Tecnológica, os alunos deverão estar aptos a desenvolver aplicações multimédia para a Internet, digitalizar e tratar sons, imagens e vídeos utilizando programas específicos, assim como descrever e aplicar as estratégias e objectivos de marketing digital.
Depois de dar as boas-vindas aos alunos, o director da Escola Superior de Tecnologia do IPCA, Prof. Fernando Rodrigues, salientou que o mais importante é que os 16 formandos “levem daqui uma ferramenta que seja útil no futuro”. Contudo, “há que trabalhar pois o sucesso só acontece depois do trabalho”, alertou.
O director da Escola Superior de Tecnologia desejou, ainda, que a parceria com o Município de Cabeceiras de Basto “seja para manter”, no futuro, com novos cursos e noutras áreas de formação.
Fernando Rodrigues agradeceu o apoio e o espaço disponibilizado pela Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto.
Na sua intervenção, o presidente da autarquia Cabeceirense, Eng.º Joaquim Barreto, elogiou a parceria com o IPCA que se assume como uma mais-valia para os jovens de Cabeceiras e Celorico de Basto.
O autarca incentivou os alunos a “agarrar a oportunidade” que o Curso de Especialização Tecnológica possibilita no sector das novas tecnologias, o que garantirá aos jovens uma “formação mais competitiva” e mais ajustada ao mercado de trabalho.
Porque o mundo está em permanente mudança, os 16 formandos foram desafiados a valorizar a formação com confiança, determinação e vontade de vencer no futuro.
Enaltecendo a parceria com o Instituto Politécnico do Cávado e do Ave, Joaquim Barreto afirmou: “da nossa parte terão toda a colaboração. Contem connosco”.
De salientar que, na sequência da parceria com o IPCA, este é o terceiro Curso de Especialização Tecnológica que decorre no concelho de Cabeceiras de Basto. Os dois primeiros cursos abrangeram as áreas da Contabilidade e Redes de Informática.



© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.