Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 15-11-2010

SECÇÃO: Reportagem

Centenas cantaram a S. Martinho em Cabeceiras de Basto
X Encontro de Quadras de S. Martinho juntou 21 grupos

O grupo de Cordas e Vozes da Casa do Professor de Braga
O grupo de Cordas e Vozes da Casa do Professor de Braga
Mais de um milhar de pessoas festejou o S. Martinho, no dia 7 de Novembro, no Pavilhão Gimnodesportivo de Arco de Baúlhe, naquele que foi o X Encontro de Quadras de S. Martinho de Cabeceiras de Basto.
Promovendo o convívio inter-geracional, a festa envolveu as associações, colectividades e instituições concelhias, num verdadeiro hino aos costumes e valores do património colectivo Cabeceirense.
Vinte e um grupos, num total de 500 pessoas, levaram ao palco letras e músicas que evocaram o santo padroeiro do Arco de Baúlhe, as castanhas e o vinho, cuja celebração é uma tradição que se perde na memória das gentes e dos lugares. Crianças, jovens, adultos e seniores juntaram as suas vozes para levar a numerosa plateia a reavivar a memória dos tempos idos.
Associação Nuno Álvares Pereira, de Pedraça
Associação Nuno Álvares Pereira, de Pedraça
Os cavaquinhos, as violas, os tambores, os ferrinhos e os reque-reque invadiram o palco, fazendo da festa um motivo de grande animação e convívio.
Pelo palco passaram a Fundação AJ Gomes da Cunha; a Fábrica da Paróquia de Alvite; a Associação Recreativa e Cultural Bombos da Orada; a Associação dos Amigos de Basto; a Associação do Grupo Folclórico de S. Nicolau; o Centro Social e Paroquial de Abadim; a Associação Recreativa de Moimenta; a Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto; a Junta de Freguesia de Painzela; a Junta de Freguesia de Outeiro; a Associação Cultural, Recreativa e Desportiva Nuno Álvares de Pedraça; a Associação Recreativa e Cultural de Arco de Baúlhe; a Associação Janelas Abertas; a Associação dos Comedores e Bebedores de Outeiro; Basto em Acção; a Associação Recreativa, Cultural e Desportiva de Riodouro; a Junta de Freguesia da Faia; a Associação Desportiva, Recreativa e Cultural Águias de Painzela; a Mútua de Basto/Norte; a Associação Recreativa e Cultural Os Ceifeiros de Santo André e a Junta de Freguesia de Arco de Baúlhe.
A iniciativa impulsionada pela Câmara Municipal e pela Empresa Municipal Emunibasto, com o apoio das associações e instituições locais, culminou com um magusto oferecido a todos os grupos e ao público que se juntou para assistir a este X Encontro de Quadras de S. Martinho.
Castanhas assadas, fêveras, caldo verde e vinho fizeram as delícias dos participantes.
O grupo Basto em Acção
O grupo Basto em Acção
A festa, também animada pelo Grupo de Cordas e Vozes da Casa do Professor de Braga, contou com a presença do executivo municipal de Cabeceiras de Basto, ao qual se juntaram os presidentes de junta de freguesia do concelho.
No final, o presidente da Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto, Eng.º Joaquim Barreto, agradeceu a todos os grupos e ao público pela presença, destacando que o X Encontro de Quadras de S. Martinho teve como objectivo “manter vivas as tradições, os usos e costumes, lembrando aos jovens aquilo que era o nosso passado”.
Valorizar as pessoas e o movimento associativo foi também um dos propósitos do encontro que “fomenta a participação do público e das associações”, criando-se, assim, “uma rede de cultura”, sublinhou o edil.
“Queremos que todos se envolvam”, desejou o autarca de Cabeceiras de Basto, aplaudindo os grupos que trajaram a rigor para a festa.
Refira-se que todos os grupos participantes receberam um prémio de presença no valor de 150 euros.

© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.