Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 19-04-2010

SECÇÃO: Informação

Passatempo – E SE EU FOSSE UM BICHO??

foto
No âmbito das comemorações do Dia Internacional do Livro Infantil, que anualmente decorrem no dia 2 de Abril, data de que assinala também o nascimento do escritor dinamarquês Hans Christian Anderson, a Direcção Geral do Livro e das Bibliotecas lançou um passatempo que procura motivar as crianças para uma pesquisa sobre a variedade dos animais que povoam a terra, ao mesmo tempo que incentiva a criatividade, a imaginação e a escrita. Uma iniciativa, que este ano se associa ao Ano Internacional da Biodiversidade e à qual o Município de Cabeceiras de Basto prontamente aderiu partilhando o objectivo de convidar todos a celebrar a vida na Terra e a proteger a diversidade biológica.
Assim, a Biblioteca Municipal de Cabeceiras de Basto – Dr. António Teixeira de Carvalho, a Biblioteca Infanto-Juvenil da Casa da Cultura e as Bibliotecas Escolares dos Agrupamentos de Rejofos e de Arco de Baúlhe associaram-se a estas comemorações e estão a promover o Passatempo – E SE EU FOSSE UM BICHO??
Um passatempo que decorre até ao próximo dia 2 de Maio e no qual podem participar todas as crianças entre os 8 e os 12 anos. Para o efeito basta procurar encontrar, na Biblioteca Municipal, na Biblioteca da Casa da Cultura, ou na biblioteca da sua escola, livros que falem de animais ou que tenham um animal como personagem principal. Imaginar que é um repórter ou um jornalista famoso e redigir um pequeno texto (máximo 2 páginas A4) sobre o animal escolhido, justificando a escolha do tema e apoiando-se em razões concretas, mas também subjectivas, bem como imaginar-se um dos animais (e se eu fosse um bicho???) e escrever um conto, uma banda desenhada ou um poema, são alguns dos formatos através dos quais é possível participar neste Passatempo.
Os textos deverão ser enviados por e-mail para dsl@dglb.pt ou pelo correio para Direcção-Geral do Livro e das Bibliotecas, Campo Grande, 83 - 1º, 1700-088 Lisboa, até 2 de Maio. Deve ainda constar o nome, idade, morada, telefone e escola.
O Júri, constituído por elementos da DGLB e do Plano Nacional de Leitura, seleccionará os 10 melhores textos até final do mês de Maio. Os vencedores receberão prémios em Livros e um cartaz de Madalena Matoso sobre o Dia Internacional do Livro Infantil. Os trabalhos seleccionados serão publicados no site da DGLB.
Recorde-se que ao aderir a este tipo de iniciativas, a Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto está a contruir para incutir hábitos de leitura e de escrita, contribuindo simultaneamente para a dinamização destes espaços de educação, formação e cultura, como são as Bibliotecas municipais e escolares.

© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.