Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 23-11-2009

SECÇÃO: Informação

Em Cabeceiras de Basto
GNR promove a iniciativa «Idosos em Segurança»

O Presidente da Câmara associou-se à iniciativa
O Presidente da Câmara associou-se à iniciativa
No âmbito do programa «Idosos em Segurança» que a GNR – Guarda Nacional Republicana, está a levar a cabo a nível nacional, mais de uma centena de idosos acorreu no dia 12 de Novembro, ao Auditório Municipal Ilídio dos Santos, em Cabeceiras de Basto, para assistir à segunda sessão de esclarecimento promovida por aquela entidade com a colaboração da Câmara Municipal. Uma iniciativa que teve como principal objectivo sensibilizar a população idosa para certos procedimentos de segurança a levar em conta em situações de tentativas de burlas ou burla consumada. Por se tratar de um público alvo privilegiado deste tipo de criminalidade, os idosos ouviram atentamente os esclarecimentos proferidos por agentes da GNR, numa sessão bastante participada, que durou cerca de uma hora, e durante a qual os militares “ensinaram” os idosos a identificar os potenciais burlões, que geralmente são homens ou mulheres bem vestidos, bem falantes e com voz meiga que procuram fazer crer que estão ali para os ajudar. Este tipo de burlões, costuma igualmente apresentar-se como sendo funcionários de entidades como a EDP, a Segurança Social, entre outras instituições. Por esse motivo, foram sensibilizados para que desconfiem sempre que lhes é feita uma abordagem por pessoas estranhas. Foram igualmente aconselhados a não fornecer dados pessoais, nem dos vizinhos, pois podem estar na presença de burlões que procuram obter informação para posteriormente agir. Aos idosos que assistiam, e que vieram de várias localidades do concelho, foram ainda sugeridos alguns conselhos úteis tendo em vista prevenir furtos e roubos, alertando para a necessidade de repensar a prática de hábitos simples. Nunca guardar grandes quantias de dinheiro em casa, estar atentos aos símbolos de comunicação que possam ser utilizados pelos larápios, ter em conta o marketing agressivo, lembrando que “ninguém dá nada a ninguém” e como tal devem ter cuidado e estar atentos a determinadas abordagens, foram alguns dos alertas deixados aos presentes. Os agentes acrescentaram ainda, que em caso de desconfiança, os idosos devem contactar a GNR ou o número 112.

Edil Cabeceirense enalteceu iniciativa da GNR
Mais de duas centenas de idosos ouviram os conselhos da GNR no Auditório Municipal
Mais de duas centenas de idosos ouviram os conselhos da GNR no Auditório Municipal

De referir que as duas sessões contaram com a presença do Presidente da Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto, Engº Joaquim Barreto, que corroborou dos conselhos ministrados pelos agentes, realçando a importância deste tipo de iniciativas para a população, mais precisamente para aqueles que residentem em zonas do interior e sobretudo para os mais idosos, que por vezes vivem em locais ermos e que por isso estão mais expostos e são mais suscetíveis de incorrer neste tipo de burlas.
Trata-se por isso de uma importante iniciativa da GNR, que a Câmara Municipal prontamente apoiou e que contribui certamente para esclarecer este nicho da população, alertando-a para este tipo de criminalidade e assim chamando a atenção para as questões da segurança de bens e de pessoas.

Policiamento de proximidade

De referir ainda, que a Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto, assinou no passado mês de Junho, com o MAI - Governo Civil de Braga, o Contrato Local de Segurança, tendo como objectivo reforçar de forma articulada e partilhada o sentimento de segurança dos cidadãos, reduzir os níveis de criminalidade e de marginalidade e aumentar os níveis de segurança junto da população, através do estabelecimento de parcerias, apostando na prevenção e no policiamento de proximidade e desta forma contribuindo para aumentar a responsabilidade, a participação cívica e a segurança dos cidadãos. A Polícia de Proximidade, representa assim, a polícia do conhecimento, da identidade, do afecto e a assinatura do Contrato Local de Segurança representa por isso, um passo importante para a segurança das pessoas, através do diagnóstico e da prevenção no combate à criminalidade. A lembrar que, António José Santos Magalhães, é o GNR destacado para o efeito, tendo como Supervisor local o Sargento Ajudante Barroso – agentes que levaram a cabo esta segunda sessão da iniciativa «Idosos em Segurança», que uma vez mais, registou o agrado do público presente.

© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.