Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 20-07-2009

SECÇÃO: Informação

Casa da Cultura
Álvaro Gomes apresenta exposição «Celeste»

Foram muitas as pessoas que marcaram presença na abertura da exposição
Foram muitas as pessoas que marcaram presença na abertura da exposição
A Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto, através da empresa Emunibasto, apresenta ao público, desde o dia 11 de Julho e até ao próximo dia 10 de Setembro de 2009, na Casa da Cultura, a exposição subordinada ao tema «Celeste».
Trata-se de uma colectânea de desenhos artísticos feitos em lápis de grafite e tinta da china, de autoria do cabeceirense Álvaro J. Costa Gomes, que desta forma presta homenagem à sua mãe recentemente falecida e partilha com o público o talento de um artista que pela primeira vez acedeu em divulgar os seus trabalhos, habilmente elaborados.
Álvaro Gomes a receber felicitações
Álvaro Gomes a receber felicitações
Paisagens, naturezas mortas, animais, edificações, mas sobretudo retratos, muitos retratos de pessoas, enchem as paredes daquele espaço cultural concelhio, dando corpo a uma exposição onde predomina o preto e branco, com algumas notas de cor apresentadas em trabalhos reveladores de outras técnicas.
De referir que foram muitas as pessoas que acorreram à Casa Municipal da Cultura, no passado dia 11 de Julho, para assistir à abertura desta exposição e felicitar o artista. Presente esteve também o edil Cabeceirense, Engº Joaquim Barreto, que na ocasião enalteceu o trabalho exposto ao público por este cabeceirense, auto-didacta, que ao longo da vida sempre demonstrou aptidão para as artes em geral e para o desenho em particular, felicitando-o e dando alento para continuar a expressar a sua vocação artística.
O artista é um auto-didacta
O artista é um auto-didacta
Presentes estiveram também, os vereadores Dr. Jorge Machado e Profª Stela Monteiro, deputados municipais, o Presidente da Junta de Freguesia de Refojos de Basto, Francisco Alves, demais autarcas, familiares e amigos.
De referir que esta exposição pode ser visitada de Segunda a Sexta-feira, das 9h00m às 12h30m e das 14h00m às 18h00m, naquele espaço cultural e central desta vila Cabeceirense.
Ao promover este tipo de iniciativas/exposições a Autarquia está a contribuir para divulgar os artistas locais e simultaneamente, para sensibilizar a população para outros olhares sobre a expressão artística.

© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.