Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 31-08-2007

SECÇÃO: Região

Autarquia adere à Rede de Conhecimento das Bibliotecas Públicas

Biblioteca Municipal no Arco de Baúlhe adere à rede de conhecimento
Biblioteca Municipal no Arco de Baúlhe adere à rede de conhecimento
O executivo municipal decidiu ainda celebrar um protocolo de colaboração com a Direcção-Geral do Livro e das Bibliotecas, tendo em vista a adesão por parte deste Município à rede de Conhecimento das Bibliotecas Públicas. Trata-se de um projecto que tem como missão a massificação do acesso público à Internet, a modernização e a racionalização da Rede Nacional de Bibliotecas Públicas, bem como, a disponibilização de conteúdos e serviços para os profissionais de bibliotecas e o público em geral. Este projecto visa assim, melhorar o serviço prestado pelas bibliotecas aos cidadãos, aumentar a eficácia e a eficiência da Rede Nacional de Bibliotecas Públicas mediante a dinamização da sociedade civil através da leitura e da participação pró-activa na construção da sociedade de informação. Para o efeito serão instalados equipamentos informáticos e softwares necessários, cabendo à autarquia garantir a sua operacionalidade e dotar a Biblioteca de meios físicos e humanos necessários a assegurar o uso dos equipamentos fornecidos, de acordo com as regras de utilização.

Autarquia emite declaração de utilidade pública aos “Camponeses de Arosa”

Na reunião, a Câmara Municipal deliberou também dar parecer favorável à emissão da declaração de utilidade pública para o Rancho Folclórico “Os Camponeses de Arosa” da freguesia de Cavez. Trata-se de uma colectividade com trinta anos e que ao longo da sua existência tem vindo a desenvolver um trabalho meritório em prol da preservação, valorização e promoção do folclore e da etnografia desta região do Baixo Minho. Uma colectividade que tem vindo igualmente a dinamizar diversas actividades de carácter cultural, recreativo e de ocupação dos tempos livres dos seus associados, idosos e população em geral, quer do lugar de Arosa e da Freguesia de Cavez, mas também de Cabeceiras de Basto. Este Rancho, constituído por 40 elementos, na sua maioria jovens, tem vindo também, a promover a divulgar o concelho quer no país, quer no estrangeiro e está inscrito no INATEL, como Centro de Cultura e Desporto, desde Agosto de 2006.

© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.