Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 31-07-2007

SECÇÃO: Região

MUNICÍPIO PREPARA NOVO ANO ESCOLAR
Programa de generalização do ensino do Inglês e de outras Actividades de Enriquecimento Curricular

O desporto integra as actividades de Enriquecimento Curricular
O desporto integra as actividades de Enriquecimento Curricular
O executivo municipal decidiu dar continuidade ao Programa de Generalização do Ensino do Inglês e de Outras Actividades de Enriquecimento Curricular no próximo ano lectivo de 2007/2008. Uma decisão que abrange os alunos do primeiro ciclo do Ensino Básico. Para o efeito, o executivo ratificou dois acordos de colaboração celebrados com os Agrupamentos de Escolas de Arco de Baúlhe e de Refojos, que estabelecem que 459 alunos vão beneficiar do ensino da língua Inglesa, 401 de aulas de Artes Plásticas enquanto que 860 receberão aulas de Actividade Física e Desportiva, bem como de Música.

Plano de Transportes Escolares

A Câmara Municipal decidiu igualmente na reunião, aprovar o Plano de Transportes Escolares para o próximo ano. Trata-se de documento que prevê, segundo informação divulgada, o transporte de todos os alunos dos 2º e 3º ciclos do ensino básico, do ensino secundário e também dos alunos que frequentam o 1º ciclo deslocados por força do encerramento de diversos estabelecimentos de ensino no âmbito do reordenamento da rede escolar.

Autarquia apoia jovens estudantes

Ainda no sector da Educação, e tendo como objectivo dotar as escolas de condições, bem como contribuir para o sucesso educativo das crianças e jovens deste concelho, o executivo municipal decidiu aprovar o Regulamento da Concessão de Apoio aos Estratos Sociais Desfavorecidos do Município. Desta forma está aberto o concurso para a atribuição de Bolsas de Estudo para o ano lectivo 2006/2007. O documento aprovado define quatro escalões para a concessão dos referidos apoios e estabelece o número máximo de 39 bolsas, a que corresponde um montante de 22.500,00 Euros, a entregar aos alunos que obtiveram bom aproveitamento escolar na frequência do ensino secundário ou superior, durante o ano lectivo 2006/2007.
Trata-se de uma medida implementada pelo executivo em 1996, como forma de incentivar a continuação dos estudos aos alunos de famílias de menores recursos económicos, contribuindo assim, para atenuar as desigualdades sociais e económicas entre as populações do concelho e consequentemente, para melhorar as condições de vida da população residente.
Recorde-se que desde a sua implementação, o executivo já atribuiu 116 bolsas de estudo, perfazendo um total de 61.209,59 Euros a jovens cabeceirenses que já frequentaram ou que se encontram a frequentar o ensino secundário e superior. Esta medida, tem contribuído, ao longo dos últimos anos, para a valorização e a formação de diversos jovens que, com esforço, tenacidade e dedicação concluíram o ensino superior, assim como, para incentivar outros jovens cabeceirenses a prosseguir a sua valorização académica.
Um investimento na valorização dos recursos humanos deste concelho que segundo informação divulgada, a Autarquia pretende manter, por considerar que “apoiar os nossos jovens que são os homens de amanhã” significa “preparar o futuro do nosso concelho”, contribuindo para uma sociedade mais valorizada e capaz.
A Câmara Municipal indicou ainda, como elementos representativos da Autarquia na Assembleia de Escolas do Agrupamentos de Arco de Baúlhe, a Srª. Vereadora Prof.ª Stela Monteiro como membro efectivo e como membro suplente a Prof.ª Benvinda Magalhães.

© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.