Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 30-04-2007

SECÇÃO: Opinião

Liberdade

foto
Nasceste do ventre da madrugada,
Por valentes capitães foste gerada,
Na sombra da masmorra pífia e atroz
Que a muitos ia calando a sua voz.

Deste ao povo força e alegria
Deste expressão, dignidade, democracia
Deste o direito à igualdade,
Bendito sejas… Liberdade!

Contigo, no futuro temos confiança
Tu, que hoje já não és criança,
Tens trinta e três anos…és mulher!

Foste sonhada, conquistada, és amada.
Não mais te perderemos… por nada!
É a ti LIBERDADE que o povo quer!!!

Por: Cecília Carvalho

© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.