Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 31-03-2007

SECÇÃO: Saber ao volante

Paragem e Estacionamento

Quando pretendemos parar ou estacionar o nosso veículo deveremos prestar especial atenção ao local a utilizar para o efeito. Desde logo, distinguir a paragem do estacionamento. São duas situações diferentes e, por isso, o local onde é permitida a paragem pode não permitir o estacionamento. Vejamos então:

Detenção de marcha: é a imobilização do veículo imposta pelas circunstâncias do trânsito, ou pela sinalização.

Exemplo de veículos mal estacionados
Exemplo de veículos mal estacionados
(Quando é necessário deter a marcha o condutor não o deverá fazer no centro dos cruzamentos e entroncamentos impedindo a normal circulação de outros veículos. Também não deverá nunca deter a marcha em cima das passadeiras ou das passagens de nível).

Paragem: é a imobilização do veículo pelo tempo estritamente necessário à entrada e saída de passageiros ou para o tempo necessário à realização de breves operações de cargas e descargas.
Exemplo de veículos correctamente estacionados
Exemplo de veículos correctamente estacionados

Estacionamento: é a imobilização do veículo em todas as restantes circunstâncias, independentemente do seu condutor se encontrar dentro ou fora do veículo, do motor se encontrar em funcionamento ou não. Se não é uma detenção de marcha ou uma paragem propriamente dita será sempre considerado um estacionamento.

Onde parar ou estacionar?
A paragem e o estacionamento deverá fazer-se nos locais especialmente destinados a esse efeito e pela forma indicada, seja pela sinalização vertical, seja pelas marcas no pavimento. Pode ainda fazer-se dentro das localidades na faixa de rodagem o mais próximo possível do limite direito, paralelamente a este limite (ou passeio) e no sentido da marcha. A infracção é punida com coima de 30 € a 150 €.
O estacionamento só se faz do lado esquerdo da via se essa for de sentido único e o mesmo se encontre autorizado pela sinalização.
Fora das localidades a paragem e o estacionamento devem fazer-se fora das faixas de rodagem.

Na próxima edição falaremos dos locais onde é proibido parar ou estacionar.
Hoje vejamos ainda que precauções deverá o condutor tomar para parar ou estacionar:
1. Verificar se não existe sinalização que proíba a manobra; (sinais verticais de paragem ou estacionamento proibido, sinais verticais de zona, linhas no pavimento, etc.)
2. Verificar se o local é apropriado;
3. Sinalizar a sua intenção;
4. Deixar os intervalos indispensáveis à saída de outros veículos e/ou à ocupação dos espaços vagos; (não ocupar dois lugares, não estacionar de forma diferente da indicada no local). A infracção é punida com coima de 30 € a 150 €.

Lembre-se. Ao pretender parar ou estacionar o seu veículo, escolha o local apropriado e deixe-o em segurança. Bem travado, motor desligado, e nas vias com inclinação, a 1ª velocidade ou marcha atrás engrenada na caixa de velocidades, dependendo se se encontra a subir ou a descer respectivamente.

© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.