Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 15-02-2007

SECÇÃO: Opinião

Quadras Populares

O relógio tocou,
Deu sinal de partida.
Dois mil e seis terminou,
Mas ficou em nossa vida.

Ano Novo já entrou,
Foram doze as badaladas.
Em todo o mundo encontrou,
Muita coisa às (três pancadas).

Ano Novo quer a paz,
Á guerra quer dizer não.
De tudo vai ser capaz,
Se quisermos dar-lhe a mão.

António Gonçalves
Um cabeceirense em Peniche

© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.