Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 31-10-2006

SECÇÃO: Desporto

Cabeceirense 2 – Mondinense 2
Com muita chuva e pouco público

Derby de Basto termina empatado
Jogo disputado no Estádio António Queirós Gomes (Cabeceiras de Basto), arbitrado por Paulo Costa (A.F.Porto).
Atlético Cabeceirense – Filipe; Branco; Costeado I; Brioco; Miro (Carlitos 27); Cristiano; Plácido; Zezito; Luís Mário; João Miguel e Costeado II
Treinador: Manuel Russo
Golos: Cristiano 87;92m
Mondinense – Francês; Renato, Leonel, Pedro, Nelsinho, Mané, Meninho, Ruizinho, Catana e Zé Henrique
Treinador: Carlos Felisberto
Golos: Ruizinho 6m e Mané 20m
Entrou melhor o Mondinense, com melhor circulação do esférico e aos seis minutos Ruizinho desmarcado pelo meio da área abre o activo.
Quando o Cabeceirense procurava sacudir alguma pressão surgiu o segundo golo por Mané com um remate a mais de vinte metros num livre aos vinte minutos, quase na linha lateral, não estando isento de culpas o guardião Filipe com o esférico ainda a bater na barra.
Até ao intervalo o Cabeceirense cresceu mas sem confiança na hora do remate deixando os visitantes criar perigo no contra ataque.
No segundo tempo o Cabeceirense quase encostou o Mondinense que jogava em contra ataque. Aos sessenta e quatro minutos Cristiano de cabeça quase marca a cruzamento de Costeado II.
Aos setenta e dois minutos Zézito obriga Francês a excelente intervenção o mesmo acontecendo a remate de Fernando. Aos oitenta e quatro minutos Mané obriga Filipe a excelente defesa. Aos oitenta e sete e noventa e dois minutos Cristiano reduz e empata a partida após dois cruzamentos.
No final do encontro ouvimos os dois treinadores que afirmaram:
Manuel Russo - “Arbitragem e erros desnecessários. Na 1ª parte estivemos sem meio Campo e na 2ª parte as alterações a que procedemos deram empate justo, mas queria mais.”
Carlos Felisberto - “Dominamos na 1ª parte com dois golos que esperávamos, na 2ª parte faltou capacidade, a expulsão foi injusta e houve faltas que só “alguém viu”, deu o empate.”

por Magalhães Silva

© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.