Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 31-08-2006

SECÇÃO: Região

Associações Luso-francesas presentes no certame

Presentes no certame, estiveram a Associaçõão Familiar de Neuville-Sûr-Saône, a Associação União Luso-Francesa Terras de Basto – Vale do Saône, ambas da região de Lyon, e a Associação Portuguesa de Rives, de Grenoble, expondo o trabalho e as actividades desenvolvidas pelos portugueses que se encontram a residir naquelas localidades francesas.

O intercâmbio e a troca de experiência sob a atenção dos responsáveis pelas nossas autarquias
O intercâmbio e a troca de experiência sob a atenção dos responsáveis pelas nossas autarquias
De referir ainda, no âmbito deste evento, a realização do V Encontro das Comunidades, onde participaram, o Embaixador e Director Geral dos Assuntos Consulares e Comunidades Portuguesas, José Costa Arsénio, o Presidente da Câmara Municipal, Engº. Joaquim Barreto, a deputada municipal, Benvinda Magalhães, os cabeceirenses Avelino Sousa e Alfredo Magalhães, entre outros dirigentes associativos, autarcas locais e mais de uma centena de emigrantes, reunidos para conhecer e debater as questões da emigração, partilhar experiências e recolher informações diversas, importantes para a sua vida.
Um encontro que terminou com um animado jantar convívio no multiusos do Mercado Municipal, a que se associou também uma delegação de franceses provenientes de Quincieux, França, que na ocasião se deslocaram a Cabeceiras de Basto para formalizar o acordo de geminação a estabelecer com a vila de Cavez, deste concelho, assinado no dia 13 de Agosto.
José Carvalho e o Pres. da Câmara no stand de Quincieux
José Carvalho e o Pres. da Câmara no stand de Quincieux
De destacar também, no dia 12 de Agosto e no âmbito desta iniciativa, a realização da primeira Festa da Juventude, que teve lugar nos Claustros do Mosteiro de S. Miguel de Refojos e que registou a presença de numeroso público.
Com esta edição da Festa das Comunidades e dos Produtos Locais, os artesãos e os produtores locais que se dedicam à transformação e conservação dos mais variados produtos genuínos agrícolas ou pecuários desta região, puderam promover a sua venda, alargando, assim os resultados dos negócios, os quais já movimentam algumas dezenas de empresas familiares.
Stand da Ass. Familiar de Neuville-Sûr-Saône
Stand da Ass. Familiar de Neuville-Sûr-Saône
Esta iniciativa vem assim justificar a justeza da estratégia da Autarquia Cabeceirense que, ao longo dos últimos anos, tem apostado fortemente no desenvolvimento de uma dinâmica sócio-económica própria, que passa pela criação de actividades complementares dos sectores agro-pecuários, por forma a fixar as populações nas suas terras.
No entanto, os emigrantes que estão de férias na sua terra foram os principais alvos desta realização, que procurou estreitar laços fraternos e de afecto que ligam aqueles que trabalham no estrangeiro aos seus conterrâneos e às suas origens, objectivo este alcançado com pleno êxito.

© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.