Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 31-01-2006

SECÇÃO: Região

A Democracia Local em debate

Perante um auditório repleto de autarcas, dirigentes associativos, jovens, quadros técnicos e população em geral, a Democracia Local esteve em debate no passado dia 27 de Janeiro. O professor catedrático Doutor António Cândido de Oliveira, docente da Faculdade de Direito da Universidade do Minho falou sobre este tema, abordando a prática da democracia ao nível das autarquias locais, assim como o papel que os cidadãos desempenham neste sistema político [Democracia] vigente em Portugal. Quarenta minutos serviram para apresentar o tema e lançar “pistas” para um debate aceso e profícuo que encerrou o primeiro encontro realizado no âmbito do Ciclo de Conferências para o ano 2006.

O público aderiu em grande número à iniciativa da Autarquia municipal
O público aderiu em grande número à iniciativa da Autarquia municipal
Por sua vez, o Presidente da edilidade, Engº Joaquim Barreto referiu que esta é a primeira de várias acções de formação e cidadania que a Autarquia está a promover com o intuito de sensibilizar os Cabeceirenses para temas diversificados, assim como, uma forma de contribuir quer para a valorização das gentes de Basto, quer para o seu envolvimento nas questões do Município, pois segundo afirmou trata-se de um modelo de gestão participada onde as pessoas têm o seu espaço para se fazer ouvir, participando e contribuindo critica e construtivamente para uma sociedade mais moderna, mais aberta, e consequentemente para um desenvolvimento integrado e sustentado do concelho que conta com todos os cabeceirenses.

A mesa que presidiu à conferência realizada
A mesa que presidiu à conferência realizada
Políticas de Futuro em debate durante 2006

A Democarcia Local deu assim início a um ciclo de conferência a levar a cabo pela Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto ao longo do ano de 2006. Lançada numa perspectiva cívica e política de infomar, formar e sensibilizar as pessoas, nomeadamente os Cabeceirenses, para iniciativas que aprofundem os conhecimentos sobre os direitos e os deveres de cidadania na sociedade actual, este Ciclo de Conferências terá como objectivo principal a abordagem de temas tão diversificados como o ambiente, o emprego, a educação, a solidariedade, o associativismo, o turismo, a juventude e o desporto. Também a agricultura e a pecuária, a indústria e o comércio locais, a demografia e o povoamento, a democracia local e a água, constarão dos debates que se pretendem espaços abertos e alargados a todas as áreas e sectores da vida local, assim como, dinâmicos e participados por todos aqueles que desejam e lutam por melhor qualidade de vida e desenvolvimento da sua terra.
A mesa que presidiu à conferência realizada
A mesa que presidiu à conferência realizada

© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.