Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 15-12-2005

SECÇÃO: Região

ESCOLA TECNOLÓGICA DE LAMEIROS
UM VERDADEIRO ESPAÇO DE FORMAÇÃO

Curso de jardinagem
Curso de jardinagem
Passaram apenas sete meses e a Escola Tecnológica de Lameiros vem cumprindo a função para a qual foi criada, através da formação específica para o reconhecimento, validação e certificação de competências, da formação profissional para desempregados à procura do primeiro emprego e desempregados de longa duração, para activos e também para crianças e jovens em idade escolar.
Aproximadamente duas centenas de pessoas beneficiaram ou beneficiam ainda das acções de formação desenvolvidas ao longo destes meses.

Reconhecimento, Validação e Certificação de Competências
Sala de informática
Sala de informática

Dos cento e quarenta inscritos para a obtenção do 9º ano através do reconhecimento, validação e certificação de competências, processo mais simplificado de obtenção daquela habilitação académica, porque baseado nas aprendizagens e experiências colhidas ao longo da vida, já terminaram a formação com sucesso cinquenta e três cabeceirenses.
Destinado a cidadãos com 18 ou mais anos de idade que não concluíram o ensino obrigatório na devida altura pelas mais diversas razões, ou ainda para outros que, tendo concluído o ensino obrigatório, não possuíam o 9º ano de escolaridade, hoje em dia tão importante para a obtenção dos mais variados empregos ou de promoções profissionais, estes formandos receberam formação na área da matemática, do português, da cidadania e da informática. Desta forma receberam o Certificado do 9º ano, emitido pelo Ministério da Educação. De referir que para além das deslocações e do tempo investido, estes formandos não tiveram outros custos já que a Câmara Municipal assumiu por inteiro todas as despesas.
Neste momento decorre a formação de mais trinta adultos, na freguesia de Cavez, que esperam dentro de dois meses concluir o processo.
Escola Tecnológica de Lameiros
Escola Tecnológica de Lameiros

Formação Profissional para jovens

Seleccionados pelo Centro de Emprego de Basto, dezasseis jovens iniciaram, em Julho último, um curso de formação profissional na área de Mesa e Bar. Trata-se de um curso que permitirá aos formandos a obtenção do certificado do 9º ano de escolaridade e que lhes proporcionará competências próprias na área da hotelaria, um saber importante que permitirá com mais facilidade encontrar um emprego.
Na Escola Tecnológica de Lameiros estes jovens encontraram um espaço adequado para se valorizarem. Participaram já em diversas acções demonstrando publicamente como a formação é necessária para o desempenho das profissões.

Educação e Formação de Adultos
Formação para adultos
Formação para adultos

Dezasseis adultos desempregados estão a receber formação na área da Jardinagem e dos Espaços Verdes desde o início de Outubro. Na sequência do protocolo celebrado entre a Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto e o Instituto do Emprego e Formação Profissional, o Centro de Formação Profissional de Vila Real promove esta acção de formação, com a duração de dezasseis meses, que permitirá aos formandos a obtenção do 9º ano de escolaridade para além das competências profissionais que o curso lhes proporcionará. Com aulas teóricas na escola e aulas práticas desenvolvidas nos jardins da autarquia, estes formandos, que se encontravam sem emprego, esperam no final do curso encontrar mais facilmente o esperado trabalho que lhes permita o rendimento suficiente para as suas necessidades. Esta oportunidade é uma nova esperança para estes cidadãos, a maioria deles chefes e mães de família.

Qualificação Profissional

Através do Centro de Formação Profissional de Braga desenvolve-se desde o início de Novembro um curso de aperfeiçoamento em técnicas de cozinha para desempregadas inscritas no Centro de Emprego de Basto. Trata-se de uma acção de formação com uma componente teórica em um dia por semana, enquanto que as práticas se desenvolvem nos outros quatro dias.

Plano Integrado de Educação e Formação

Trata-se de um Plano que visa elevar os níveis educacionais e profissionais, diminuir o número de jovens em risco ou em situação de abandono escolar e contrariar a tendência para a inserção precoce no mundo do trabalho de crianças e jovens.
Este projecto da responsabilidade da Direcção Regional de Educação do Norte, através do Centro da Área Educativa de Braga e da EB 2,3 do Arco de Baúlhe, tem na Emunibasto a entidade gestora, para além das parcerias do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil e da Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto.
Dezasseis jovens, dos catorze aos dezassete anos, estarão em formação ao longo do ano lectivo na Escola Tecnológica de Lameiros, acompanhados por profissionais. No final poderão concluir o 6º ano de escolaridade.

Formação Profissional para activos

São profissionais de diversas áreas, mas com vontade de se aperfeiçoarem e de colherem novos ensinamentos muito úteis à sua actividade, que estão a receber formação na Escola Tecnológica de Lameiros, em período pós-laboral, desde o passado dia 30 de Novembro.
Catorze formandos estão inscritos num acção de Aperfeiçoamento em Geriatria –Animação Social para Idosos. Outros tantos recebem formação na área do Socorrismo – Primeiros Socorros e ainda uma outra turma no Aperfeiçoamento em Técnicas de Apoio Administrativo.
Na certeza de que a formação e a qualificação das pessoas é cada vez mais importante para a inserção no mundo do trabalho, a Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto e a Emunibasto, E. M. continuam a apostar e a investir em acções que visam elevar os conhecimentos dos cabeceirenses. A Escola Tecnológica de Lameiros é assim espaço privilegiado que permite atingir aqueles objectivos.

© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.