Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 26-05-2014

SECÇÃO: Informação

Pela Câmara
Executivo Cabeceirense aprova voto de pesar pelo falecimento de D. Eurico Dias Nogueira

Sob a presidência do Dr. Serafim China Pereira, reuniu no dia 23 de maio, no edifício dos Paços do Concelho, a Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto. Dos assuntos tratados, destaque para a decisão do executivo em aprovar um voto de pesar pelo falecimento de D. Eurico Dias Nogueira Arcebispo Emérito de Braga, no passado dia 19 de maio.
Recorde-se que D. Eurico Dias Nogueira nasceu em 6 de março de 1923, em Dornelas do Zêzere, no Concelho de Pampilhosa da Serra e Diocese de Coimbra e viria a ser ordenado sacerdote em 22 de dezembro de 1945. Em 1948 licenciou-se em Direito Civil, na Universidade de Coimbra.
D. Eurico Dias Nogueira foi nomeado Bispo de Vila Cabral, atual Lichinga, em Moçambique, pelo Papa Paulo VI, a 10 de julho de 1964, onde permaneceu até 19 de fevereiro de 1972.
Em setembro de 1964, enquanto responsável pela diocese moçambicana de Vila Cabral, D. Eurico Dias Nogueira participou na terceira sessão do Concílio Vaticano II.
A 6 de dezembro de 1964, recebeu a ordenação episcopal que se realizou na Sé Nova de Coimbra.
Em 19 de fevereiro de 1972 foi transferido para a Diocese de Sá da Bandeira, atual Lubango, em Angola. Em 3 de fevereiro de 1977 pediu a resignação da diocese angolana aceite por Paulo VI.
A 5 de novembro do mesmo ano foi nomeado Arcebispo de Braga tendo dirigido esta arquidiocese até 18 de agosto de 1999.
Nesta data deixou o ofício de Arcebispo, por limite de idade e passou a Arcebispo Emérito de Braga, cidade onde ficou a residir, no Seminário de Santiago, até à data da sua morte.
D. Eurico Dias Nogueira foi, ao longo do seu arcebispado, um amigo de Cabeceiras de Basto por onde passou por diversas vezes. As relações com a autarquia sempre se pautaram por um elevado respeito mútuo, cooperação institucional e grande cordialidade.
Em face do nefasto acontecimento, a Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto, deliberou aprovar um voto de pesar pela morte do Arcebispo Emérito D. Eurico Dias Nogueira, bem como do mesmo dar conhecimentos à Arquidiocese de Braga e à família e torná-lo público através dos órgãos de comunicação social.

© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.