Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 05-05-2014

SECÇÃO: Informação

Lira reuniu antigos músicos da Banda Cabeceirense

Decorreu no passado dia 25 de Abril o 3º Encontro de Confraternização dos Antigos Músicos da Banda Cabeceirense.
Conforme programa anunciado o grupo visitou a Casa do Tempo, seguindo-se depois missa no Mosteiro de S. Miguel de Refojos, em memória dos músicos, regentes e directores, falecidos. Depois da “foto de família” seguiu-se o almoço da praxe, complementado com uma sobremesa adequada e a gosto dos presentes. Diga-se que na referida sobremesa foram servidas algumas das receitas do saudoso mestre António José Mendes.
Do programa musical constou: O Convencido (Marcha de António José Mendes); Menina Bonita (idem); Serenata (arranjo António José Mendes); Serei Feliz Com O Teu Amor (arr. António José Mendes); Cabeceiras, Minha Terra Natal (canção, música e letra de António José Mendes); Dia Feliz (M. popular de António José Mendes); Caravelas (Fado, autor desconhecido); Cantiga da Rua (M. popular, a. desconhecido); Zéquinha (Marcha de António José Mendes); e A Life On the Ocean Wave (M. militar de Epes Sargent e Henry Russel).
De realçar a sua primeira composição para Banda, intitulada “ O Convencido” . Esta marcha foi executada pela Banda Cabeceirense e pela Banda de Revelhe (Fafe) nos anos 40 e seguintes.
O Rui Vieira e a sua Quadramusical, também nos presentearam com algumas das suas interpretações.
A confraternização foi animada e emocional, pois reviveram-se tempos passados e de boa memória.
Entre ex-músicos e familiares estiveram presentes 92 pessoas.
Ainda não foi possível reunir, fisicamente, toda a família de ex-músicos vivos, pois por circunstâncias várias os afazeres familiares, profissionais e outros impedem que isso aconteça, no entanto estão presentes no pensamento, pois tem sido grande o apoio à iniciativa que vimos a fazer já lá vão 3 anos e pedem para que haja continuidade.
Em meu nome e em nome do grupo organizador, quero deixar aqui um agradecimento a todos aqueles que fizeram esforço para estarem presentes, deslocando-se de vários locais com custos pessoais e financeiros. Ao sr. P.re Manuel Batista, pároco de Refojos, um agradecimento pela disponibilidade para celebração do acto eucarístico. Aos elementos da direcção da LIRA – Associação Amigos da Música, ao David Araújo e a todos aqueles que pertencentes ou não aos órgãos diretivos, colaboraram e foram essenciais na organização deste invento, o meu muito obrigado.
Prometemos voltar para o ano.

Baltazar Mendes

© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.