Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 05-05-2014

SECÇÃO: Informação

Pela Câmara
Executivo Cabeceirense solidário com população do Arco de Baúlhe

Sob a presidência do Dr. China Pereira, reuniu no dia 28 de abril, no salão Nobre dos Paços do Concelho, a Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto.
Segundo informação divulgada, dos assuntos tratados, destaque para a deliberação tomada por unanimidade pelo executivo cabeceirense, referente à ‘Insuficiência de médicos de família na Extensão de Saúde do Arco de Baúlhe’.
Trata-se de uma decisão aprovada na sequência da tomada de posição apresentada por um elevado número de utentes da Extensão de Saúde do Arco de Baúlhe, através de um abaixo-assinado remetido à Câmara Municipal, no passado dia 21 de corrente mês de abril, contra o reduzido número de médicos a exercer medicina naquela unidade de saúde (1 médico a tempo inteiro e um outro médico uma vez por semana). O Executivo Municipal, ciente das dificuldades da população do concelho que é servida naquela Extensão, no acesso aos cuidados primários de saúde, manifestou-se solidário com os utentes e deliberou solicitar, à Administração Regional de Saúde do Norte e ao Agrupamento de Centros de Saúde do Alto Ave - Guimarães/Vizela/Terras de Basto informação detalhada sobre a queixa apresentada e o verdadeiro ponto de situação. Neste âmbito serão desenvolvidos os contactos que se acharem convenientes junto das autoridades de saúde no sentido de serem reforçados os serviços médicos naquela Extensão de Saúde, mas também na Extensão de Saúde de Cavez.
A deliberação tomada refere ainda que “a falta de médicos é uma grave perda do direito universal à saúde por parte das populações, pelo que se entende necessário resolver esta falta com a maior urgência para que as pessoas não se sintam, e não sejam de facto, discriminadas negativamente no acesso aos cuidados primários de saúde. Só o reforço de médicos na Extensão de Saúde do Arco de Baúlhe e na Extensão de Saúde de Cavez poderá garantir a justa equidade no acesso a esses cuidados de saúde”.

Coletividades
recebem apoio

O executivo municipal decidiu aprovar, por unanimidade, o pedido de apoio logístico solicitado pela UCC – Unidade de Cuidados na Comunidade de Cabeceiras de Basto, destinado à realização da iniciativa PASSE RUA. Trata-se de um evento dirigido aos alunos do 4.º ano do Agrupamento de Escolas de Cabeceiras de Basto tendo em vista a promoção de uma alimentação saudável, do respeito de normas de organização e convivência social entre outras, a realizar no próximo dia 4 de junho de 2014.
O executivo decidiu também, apoiar logisticamente a realização da edição do torneio ‘Cabeceiras Cup’ a ter lugar nos dias 28 e 29 de junho, no Campo de Futebol Coronel Cunha Reis, em Alvite. É um evento desportivo no qual se estima a presença de cerca de 250 crianças oriundas de vários pontos do país.
De igual modo, a Câmara Municipal decidiu apoiar logisticamente a realização da ‘Feira Automóvel de Cabeceiras de Basto’, através da disponibilização da cave do Casa da Juventude e da Praça Arcipreste Francisco Xavier de Almeida Barreto, à empresa organizadora deste certame que terá lugar de 6 a 8 de junho.
O executivo decidiu adquirir uma parcela de terreno pela quantia de 16.000 euros, no lugar do Samão, na União de Freguesias de Gondiães e Vilar de Cunhas. Esta aquisição tem em vista a realização de um arranjo urbanístico no centro daquele lugar.
Foi também aprovada a Proposta de Regulamento de Utilização e Funcionamento da Ecopista do Tâmega, bem como remetida a mesma para a Assembleia Municipal para que este órgão deliberativo do Município se pronuncie sobre o do documento.

© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.