Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 14-04-2014

SECÇÃO: Informação

Candidatura apresentada aos professores

No âmbito da Candidatura do Mosteiro de S. Miguel de Refojos e zona envolvente a Património Cultural da Humanidade da UNESCO, o presidente da Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto, Dr. China Pereira, divulgou, no passado dia 31 de março, os objetivos desta candidatura junto dos professores do Agrupamento de Escolas. A sessão decorreu no auditório da Escola Básica e Secundária de Cabeceiras de Basto, onde se juntaram dezenas de docentes do Agrupamento.
De salientar que, nesta sessão, o presidente da Câmara Municipal – que se fez acompanhar pela vereadora da Educação e Cultura, Dra. Isabel Coutinho – foi recebido pela diretora do Agrupamento de Escolas de Cabeceiras de Basto, Dra. Céu Caridade.
Na oportunidade, o autarca China Pereira explicou que os objetivos desta ação passam por informar e mobilizar as pessoas do nosso concelho para que “esta seja a candidatura de todas as freguesias, de todas as associações e de todos os cabeceirenses”. Para tal, pretende-se “dialogar e envolver os munícipes, ouvindo as suas sugestões e críticas”, destacou China Pereira, assegurando que a Candidatura do Mosteiro a Património da Humanidade visa “captar visitantes e investimento” para Cabeceiras de Basto.
Numa perspetiva de desenvolvimento sustentado, a candidatura e classificação do Mosteiro como Património Mundial da Humanidade “poderá ser o mais importante fenómeno do Século XXI para Cabeceiras de Basto”, realçou o presidente da Câmara, afirmando que “o Mosteiro de S. Miguel de Refojos é a marca distintiva do nosso concelho”.
Desafiando a Escola – que considerou um parceiro estratégico – a contribuir para esta candidatura, envolvendo-se os alunos nas mais diversas atividades, o presidente da Câmara disse: “estamos a trabalhar com todo o fervor e dinamismo pois este é um desafio que queremos vencer”.
Sublinhando que “temos tido a melhor recetividade da comunidade educativa”, China Pereira desejou que “esta cumplicidade entre a Escola e a Câmara Municipal perdure no futuro”.
Por seu turno, a diretora do Agrupamento de Escolas de Cabeceiras de Basto, Dra. Céu Caridade, assegurou que “tem sido um prazer continuar a trabalhar com o Município de Cabeceiras de Basto”. E acrescentou: “dizerem-nos que somos um parceiro privilegiado é para nós muito importante e dá-nos vontade para continuar o nosso trabalho”.

© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.