Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 16-09-2013

SECÇÃO: Informação

Casa do Tempo recebeu 2500 pessoas no primeiro mês de funcionamento

Casa do Tempo abriu ao público em 2 de agosto
Casa do Tempo abriu ao público em 2 de agosto
A Casa do Tempo de Cabeceiras de Basto completou, no passado dia 2 de setembro, um mês de funcionamento e o balanço é muito positivo.
Inaugurada em agosto, a Casa do Tempo, que encerra ao público às segundas-feiras, contabilizou um total de 2.520 visitantes, o que se traduz numa média diária de 97 pessoas.
Do universo de 2.520 visitantes, 2.210 são nacionais e 310 estrangeiros.
Os visitantes nacionais são oriundos de 70 concelhos diferentes, ao passo que os visitantes estrangeiros são provenientes de 11 países diferentes, com destaque para a França com 271 visitas.
Localizada junto ao Mosteiro de S. Miguel de Refojos, a Casa do Tempo permite aos cabeceirenses, através do recurso às novas tecnologias de informação e comunicação, aceder à informação turística do concelho, mas também inteirar-se da dinâmica local registada nos diversos setores de atividade, assim como, conhecer as potencialidades que o Cabeceiras de Basto encerra, tornando-se assim, num verdadeiro centro interpretativo do concelho.
Esta obra insere-se num projeto ambicioso de qualificação encetado pela Câmara Municipal há uns anos atrás, tendo em vista a regeneração urbana e ambiental do coração da vila cabeceirense, ligando a centenária Praça da República a zonas urbanas novas, criando espaços verdes, tratando as margens da ribeira de Penoutas e recuperando parte destas antigas casas de caseiros.

© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.