Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 26-08-2013

SECÇÃO: Informação

Recolha e empréstimo de livros

O Município de Cabeceiras de Basto, através da Cooperativa Basto Vida - Serviços de Acção Social e Cuidados de Saúde, tem em curso o Programa Livros Sociais, uma iniciativa cuja dinamização conta com a colaboração de entidades como o Agrupamento de Escolas de Cabeceiras de Basto, o Externato de S. Miguel de Refojos, a Associação de Pais e Encarregados de Educação do Agrupamento de Escolas de Cabeceiras de Basto e o Banco Local de Voluntariado (BLV) de Cabeceiras de Basto.
Este programa ‘Livro Sociais’ dinamizada pela Basto Vida, através do Projeto ‘Mais Vida’, resulta de um protocolo assinado em 2012 implementado em estreita colaboração com as entidades anteriormente referidas visando apoiar os alunos/famílias que não reúnam condições económicas para adquirir os manuais escolares e aumentar a vida útil dos manuais, cumprindo desta forma, objetivos de natureza ambiental e económica.
Este ano pretende-se alcançar os bons resultados registados em 2012 e para os quais foi fundamental o envolvimento de todos os parceiros bem como da comunidade, encorajando e valorizando a troca e partilha solidária no sentido de promover a implementação de boas práticas de responsabilidade social e ambiental.
Neste âmbito, pretende-se igualmente, garantir a validade do manual escolar não esgotando a sua utilização num único ano letivo, contribuindo simultaneamente, para a rentabilização dos recursos económicos das famílias, bem como, para o sucesso educativo de vários alunos do concelho de Cabeceiras de Basto.
O Programa Livros Sociais, assenta por isso, num sistema que visa apoiar as famílias com efetivas carências económicas, devidamente sinalizadas pelos parceiros desta iniciativa e que promovem o Programa Livros Sociais junto da comunidade local.
Segundo informação divulgada, para o Município de Cabeceiras de Basto, este programa dos livros sociais assume grande importância, já que tem em conta a atual conjuntura de crise económica que o país atravessa e o consequente aumento de situações de pobreza e exclusão social que restringem e dificultam o acesso de algumas famílias aos bens essenciais, nomeadamente aos livros e aos medicamentos.
O Município Cabeceirense pretende, assim, minimizar os encargos que a aquisição dos livros escolares acarreta para os agregados familiares mais vulneráveis do nosso concelho.
Com a implementação deste programa o município, através da Basto Vida e com o apoio das restantes entidades que aderiram à iniciativa, pretende contribuir para a formação de uma consciência coletiva dos problemas sociais ativando meios e agentes capazes de garantir respostas para a otimização possível dos recursos e para o desenvolvimento de diversas ações em Cabeceiras de Basto.

© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.