Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 28-05-2012

SECÇÃO: Informação

CEDHRUS apresenta ''Envelhecer com Qualidade''

O Centro de Desenvolvimento Hermígio Romarigues – CEDHRUS – em articulação com a Câmara Municipal de Mondim de Basto, promoveu no dia 18 de maio, uma palestra subordinada ao tema ‘Envelhecer com Qualidade’. Uma iniciativa que contou com a presença do orador convidado Professor Pinto da Costa. O presidente da Câmara, Engº Humberto Cerqueira abriu a sessão. Na oportunidade saudou as cerca de duas centenas de participantes que compareceram e encheram o auditório dos Bombeiros Voluntários Mondinenses. O edil agradeceu ainda a presença de tão ilustre orador convidado, professor catedrático em Medicina Legal, enaltecendo o seu percurso, trilhado de forma brilhante. Autor de vários livros e de múltiplas publicações científicas, realçou igualmente a sua intervenção pedagógica que se estende a jornais, revistas, rádio e televisão.
No uso da palavra, o Professor Pinto da Costa começou por afirmar a necessidade de valorizar a pessoa idosa num país em que somos bons a fazer leis, mas não a segui-las. Prosseguiu, afirmando que “desde que não morramos atropelados, nem morramos de cancro, temos sérias possibilidades de sermos um dia idosos” e referiu que “vivemos uma mudança na nossa sociedade em que a colocação do idoso fora de casa, num lar de idosos, está ultrapassada pela vivência e pela convivência sob o mesmo teto, avós, pais e netos, por questões económicas”. O Professor adiantou ainda que “devemos atrasar o envelhecimento, deve ser essa a prioridade, devemos focar a importância no exercício do nosso cérebro apostando na melhoria da nossa memória enquanto caminho para a qualidade de vida”.
Nesta palestra foi defendida a ideia de que o idoso tem comportamentos diferentes, tem direito à diferença e que ser idoso é ser futuro. Pinto da Costa disse ainda que “o idoso deve participar em eventos sociais, deve sentir-se útil à sociedade”, alertando ainda os presentes para que “nunca fiquem velhos”.
Por sua vez, no uso da palavra, o presidente da CEDHRUS, Dr. Alcino Castro, realçou “a pertinência deste evento, fica a dever-se às comemorações do Ano Europeu do Envelhecimento Ativo e da Solidariedade entre Gerações que se comemora este ano”. O dirigente associativo prosseguiu defendendo que “o envelhecimento da população é uma realidade e o desafio desloca-se em termos de as pessoas mais velhas continuarem a desempenhar um papel ativo na sociedade e a viverem as suas vidas de uma maneira saudável, independente e preenchida. A solidariedade intergeracional surge como uma forma de aproximar a geração futura à geração do presente, numa partilha de experiências e de promoção de laços de afetos”.
No final da iniciativa o palestrante, que recentemente lançou mais um livro, autografou algumas exemplares.
Sob o tema “Refletir para Agir” o Centro de Desenvolvimento Hermígio Romarigues dará continuidade a este ciclo de confrências/palestras a levar a cabo em outros concelhos da região de Basto.

© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.