Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 02-05-2011

SECÇÃO: Informação

Empresa Emunibasto apresenta Contas de 2010

A Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto apreciou e aprovou no dia 21 de Abril, o relatório de contas apresentado pela empresa municipal Emunibasto referente ao ano 2010.
Os documentos apresentados reflectem a actividade desta empresa, nas áreas da educação, formação, cultura, desporto, ocupação dos tempos livres e turismo ao longo de 2010, desenvolvida de acordo com o Plano de Actividades e Orçamento.

Feira do Cavalo realizada pela 1ª vez em 2010
Feira do Cavalo realizada pela 1ª vez em 2010
O ano 2010 ficou marcado pelo aumento da quantidade e da qualidade dos serviços prestados à população, nomeadamente transportes e refeições escolares, prolongamentos de horário na educação pré-escolar, formação profissional e outros projectos, bem como, no desenvolvimento de novas acções.
É de salientar nestes documentos o seguinte: transportes escolares - foram 1.375 os alunos transportados para os diferentes estabelecimentos de ensino; cantinas escolares - abrangeram um universo de 1.141 crianças que frequentam a educação pré-escolar e o 1º ciclo do ensino básico, disponibilizando o serviço de refeições para 976 crianças o que representa uma taxa de cobertura de 85,53%; actividades de enriquecimento curricular - todas as escolas do 1ºciclo foram contempladas com as Actividades de Enriquecimento Curricular, para as quais foram contratados 24 professores que leccionaram aulas de Música, Actividade Física e Desportiva, Artes Plásticas e Inglês a 764 alunos, representando uma taxa de cobertura de 100%; prolongamento de horário - esteve disponível para os pais e encarregados de educação das crianças que frequentam o ensino pré-escolar no concelho, representando uma taxa de cobertura de 76,92%. Em 2010 este serviço foi alargado também aos JI’s de Faia e Gondarém, na freguesia de Cabeceiras de Basto (S. Nicolau), envolvendo a contratação de 15 monitoras para assegurar o prolongamento de horário; Basto Jovem e PIEC - projectos que envolveram 1.076 destinatários, entre crianças, jovens, familiares e professores; formação profissional - no ano 2010 as acções de Educação/Formação beneficiaram 130 formandos desempregados e jovens à procura do primeiro emprego; actividade cultural - incidiu na realização de várias exposições, na dinamização das Bibliotecas Municipais, dos Espaços Internet e da Casa da Música, espaços onde foram desenvolvidas actividades sócio-culturais, recreativas e formativas diversas; Casa do Povo do Arco de Baúlhe - tem revelado grande procura por parte das populações para frequentar as diversas valências culturais, desportivas, sociais, recreativas e de lazer, mas também pelos serviços administrativos prestados pela Câmara Municipal e Junta de Freguesia; desporto e ocupação dos tempos livres - a Emunibasto assegurou o funcionamento dos diferentes equipamentos desportivos, educativos e de lazer, tendo em conta as reais necessidades das pessoas, destacando-se o Centro de Educação Ambiental com 20.818 visitas, o Centro Hípico com 1.101 aulas de equitação e os Pavilhões Desportivos com mais de 89.000 utilizações, bem como as Piscinas Municipais Cobertas com cerca de 26.000 entradas e as Descobertas com mais de 10.500 entradas; turismo - a gestão do Posto de Turismo, das Casas Florestais e restantes infra-estruturas permitiu conservar e manter estes edifícios e disponibilizar informação e ocupação das mesmas, promovendo o turismo patrimonial e de natureza. Neste campo foram editados ainda os mapas das três vilas do concelho, a agenda cultural e impresso diverso material promocional.
Espectáculos teatrais mobilizam Cabeceirenses
Espectáculos teatrais mobilizam Cabeceirenses
Relativamente à situação financeira da Emunibasto, E. E. M. é de referir também, que apresentou, no final do ano de 2010, um resultado líquido positivo de 6.141.51 €. A taxa de execução situou-se em 94% tendo sido realizadas todas as iniciativas previstas no Plano de Actividades para 2010, que contaram com a cooperação de entidades como juntas de freguesia, associações, clubes, instituições sociais, económicas e de solidariedade, assim como, grande participação popular. Destacaram-se as iniciativas da Semana da Primavera e da Feira do Cavalo que se realizaram pela primeira vez, mas também a cooperação dada às acções desenvolvidas pelo Centro de Teatro da Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto, designadamente os ateliês e espectáculos levados a efeito.
Este documento, assim como o Relatório de Gestão e Conta de Gerência referente a 2010, aprovado pela Câmara Municipal, sem votos contra, foi submetido à Assembleia Municipal realizada no dia 29 de Abril, para apreciação e votação.

© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.