Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 02-05-2011

SECÇÃO: Destaque

Valências criam 73 novas respostas sociais e 25 postos de trabalho
Ministra do Trabalho inaugura creche, lar e apoio domiciliário do Centro Social da Paróquia de Cavês

Directora da Segurança Social e Presidente do Centro Social assinam protocolo
Directora da Segurança Social e Presidente do Centro Social assinam protocolo
A ministra do Trabalho e da Solidariedade Social, Helena André, inaugurou no dia 19 de Abril, na freguesia de Cavez, Cabeceiras de Basto, a Creche, Lar e Serviço de Apoio Domiciliário do Centro Social da Paróquia de Cavês, equipamento que vem criar 25 novos postos de trabalho.
A cerimónia contou com a presença dos presidentes da Câmara e Assembleia Municipais de Cabeceiras de Basto, Eng.º Joaquim Barreto e Dr. China Pereira, do Arcebispo Primaz, D. Jorge Ortiga, do Governador Civil de Braga, Dr. Fernando Moniz, da directora do Centro Regional de Segurança Social de Braga, Maria do Carmo Antunes, do presidente do Centro Social da Paróquia de Cavês, Monsenhor José Augusto Ribeiro, do presidente da Junta de Freguesia de Cavez, Carlos Augusto Boticas, vereadores e demais autarcas, funcionários da instituição e população em geral.
Durante a cerimónia de inauguração das novas valências do Centro Social da Paróquia de Cavês foram assinados os acordos de cooperação para o Lar de Idosos e para o Serviço de Apoio Domiciliário entre a Segurança Social e a instituição, confirmando a ministra do Trabalho a celebração dos acordos.
Bênção das novas instalações
Bênção das novas instalações
Com a entrada em funcionamento destas novas valências, o equipamento passa a disponibilizar 73 novos lugares (33 na creche, 20 no lar e 20 no serviço de apoio domiciliário) que responderão às necessidades da população.
No total, o Centro Social dará resposta a 50 utentes na valência de lar e a 55 utentes na área do serviço de apoio ao domicílio.
De salientar que o novo lar de idosos integra seis quartos individuais e sete quartos duplos, enquanto creche tem capacidade para oito crianças no berçário, dez crianças dos 12 aos 24 meses e 15 crianças dos 24 aos 36 meses.
Descerramento da placa alusiva à efeméride
Descerramento da placa alusiva à efeméride
Com um investimento total que ultrapassa 1,4 milhões de euros, o novo equipamento social recebeu da Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto o montante de 61.500,00 euros, sendo ainda comparticipado pelo Programa de Alargamento da Rede de Equipamentos Sociais (PARES) em 574.249,00 euros.
Depois do descerramento da lápide alusiva à efeméride, o Arcebispo Primaz, D. Jorge Ortiga, procedeu à bênção do novo equipamento social. “As estruturas podem ser maravilhosas mas se não existir amor entre as pessoas as estruturas não correspondem aos objectivos para que foram criadas”, salientou D. Jorge Ortiga, desejando que “o trabalho aqui realizado seja carregado de amor, de entrega e de espírito de sacrifício”.
Durante a cerimónia, o presidente da Câmara Municipal, Eng.º Joaquim Barreto, mostrou-se “muito satisfeito” pela inauguração deste equipamento que representa mais uma resposta social para a freguesia e para concelho, com “acompanhamento e tratamento humano e técnico mais próximo e mais especializado”.
Enumerando as mais-valias da nova creche e lar de Cavez, o autarca destacou “a possibilidade do contacto intergeracional” que o novo edifício vem criar.
Discursos dos representantes
Discursos dos representantes
Depois de felicitar a direcção do Centro Social e funcionários, Joaquim Barreto elogiou o Programa PARES e o ministério que o tutela, avançando que em Cabeceiras de Basto, no âmbito daquele programa, foram aprovados quatro equipamentos sociais que envolvem um total de 4 milhões de euros. Desses, dois milhões de euros são suportados pelas IPSS’s e 500 mil euros são financiados pela Câmara Municipal.
É o caso deste Lar e Creche mas também do Lar Residencial da Fundação A.J. Gomes da Silva em Cabeceiras de Basto – S. Nicolau; do Centro de Dia da ADIB em Painzela; e do Lar e Creche da ARCA na vila de Arco de Baúlhe.
Visita às instalações da creche
Visita às instalações da creche
A construção destas valências aumenta, em muito, as respostas sociais até aqui existentes no concelho.
“Para a população envelhecida é extremamente necessário este apoio de retaguarda, estruturado e sustentado”, disse Joaquim Barreto, reafirmando que “o sector social está na primeira linha das preocupações do Município”.
Realçando que “o concelho de Cabeceiras de Basto é muito activo em termos sociais”, a ministra do Trabalho e da Solidariedade Social agradeceu todo o trabalho e empenho para que este lar e creche se tornassem realidade, “uma obra que se deve não só ao poder central, mas também ao poder local e às instituições que são os intérpretes das necessidades das populações”.
Realçando a qualidade da obra, a ministra Helena André frisou que “a aproximação intergeracional é uma aposta benéfica para todos”.
“Com crise ou sem crise, o Governo, com a ajuda das autarquias e IPSS’s, não reduziu o apoio a estes equipamentos sociais”, assegurou a ministra sublinhando a “solidariedade activa” existente.
“Com estes equipamentos sociais estamos também a criar emprego”, frisou a ministra do Trabalho e da Solidariedade Social insistindo na “necessidade de ocupar os idosos de forma activa, combatendo o isolamento e a solidão e dando respostas ao nível dos cuidados de saúde”.
“É a conjugação de todas as valências (creches, lares e serviço ao domicílio) que irá responder às necessidades das famílias”, rematou a governante que tutela a pasta do Trabalho e da Solidariedade Social.
Na sua intervenção, o presidente do Centro Social da Paróquia de Cavês mostrou-se “orgulhoso” pela obra concretizada que “valoriza o território e o potencial humano”. Referindo que “foi o trabalho de parceria que possibilitou a concretização deste sonho”, o Monsenhor José Augusto Ribeiro lembrou o esforço e o sacrifício necessário para erguer esta obra.
“É por toda a população do concelho que abraçamos este desafio”, finalizou.

© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.