Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 11-04-2011

SECÇÃO: Informação

Pela Câmara
Autarquia disponibiliza mais de 37 mil euros para colectividades

ARCA recebe apoio


Sob a presidência do Engº Joaquim Barreto, reuniu no dia 24 de Março de 2011, no edifício dos Paços do Concelho, a Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto.
Segundo informação divulgada, dos assuntos tratados, o destaque vai para a decisão do executivo municipal em prosseguir com o apoio a diversas associações e colectividades que desenvolvem acções em diferentes sectores de actividade.
O apoio financeiro atribuído equivale a um montante global de 37.600,00 euros.

Bombeiros Voluntários

A Câmara Municipal decidiu atribuir 30.000,00 euros, à Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários Cabeceirenses. Trata-se de uma verba que se destina a ajudar a custear a reparação de viaturas que sofreram avarias durante a época de incêndios do ano transacto.

Contacto Futsal Clube

A agremiação Contacto Futsal Clube recebeu também um apoio financeiro de 4.000,00 euros, que se destina a fazer face às despesas subjacentes às actividades que se propõe desenvolver durante a época 2010/2011. Recorde-se que este Clube promove a modalidade de futsal agregando grande número de crianças e jovens deste concelho.

ARCA – Associação Recreativa e Cutural do Arco de Baúlhe

A ARCA – Associação Recreativa e Cultural do Arco de Baúlhe, recedeu um apoio monetário de 1.000,00 euros. Uma verba que se destina a ajudar a custear as despesas tidas com a realização do ‘tradicional’ corso carnavalesco realizado no dia 8 de Março, que desfilou pelas principais artérias da vila arcoense e atraiu numeroso público. Um corso que apresentou diversos carros alegóricos, com temas diversos e dezenas de foliões.

Fundação A J Gomes da Cunha

A Câmara Municipal decidiu ainda atribuir um apoio de 1.250,00 à Fundação A. Joaquim Gomes da Cunha, para ajudar a suportar as despesas inerentes à realização do Torneio Regional de Corta-Mato de Inverno no Norte. Uma iniciativa promovida também pela Associação Nacional do Desporto para a Deficiência Intelectual (ANDDI) na qual participaram 10 instituições e 72 atletas portadores de deficiência.
Nesta reunião, a ANDDI, recebeu igualmente um apoio de 1.000,00 euros, tendo em vista ajudar a suportar os encargos com a participação de dois atletas portadores de dediciência intelectual do concelho de Cabeceiras de Basto, no primeiro Campeonato da Europa de Atletismo S. Down, que terá lugar no dia 6 de Junho de 2011, na Sardenha, em Itália.

Conselho Económico da Fábrica da Igreja Paroquial de S. Nicolau

O Conselho Económico da Fábrica da Igreja Paroquial de S. Nicolau de Cabeceiras de Basto, recebeu um apoio e 350,00 euros destinado a suportar os encargos com a realização da Via Sacra que terá lugar na freguesia de Cabeceiras de Basto e que anualmente atrai muitos visitantes, quer de outros locais do concelho, quer de terras límitrofes. Esta é uma iniciativa de cariz religioso, agendada para o próximo dia 22 de Abril.

Liga dos Combatentes – Núcleo Regional de Braga

A Câmara decidiu apoiar logisticamente a Liga dos Combatentes – Núcleo Regional de Braga na realização das comemorações regionais do 93º aniversário da Batalha de La Lys e do Dia do Combatente. Trata-se de uma iniciativa que teve lugar em Cabeceiras de Basto, no dia 9 de Abril. O programa começou com a celebração de uma eucaristia em sufrágio pelos ex-combatentes na Igreja do Mosteiro de S. Miguel de Refojos e prosseguiu pelas 12h00m, com uma romagem e deposição de coroa de flores junto ao Monumento ao Combatente erigido por esta Autarquia numa das principais rotundas desta vila Cabeceirense, agregando ex-combatentes, autarcas, militares e numeroso público.

Câmara estabelece protocolo com Associação do Grupo Folclórico de S. Nicolau

A Câmara decidiu ainda assinar um protocolo de cedência de instalações com a Associação do Grupo Folclórico de S. Nicolau – Cabeceiras de Basto, tendo em vista disponiblizar uma sala da antiga Escola Básica da Cumeira que permita desenvolver actividades de índole cultural e recreativo promovidas por aquela entidade. No documento, hoje aprovado, estão definidas as obrigações das partes. Ao ceder este espaço devoluto, a Câmara Municipal está também a permitir a fruição de espaços municipais para novas funções.
A Câmara autorizou por fim, a cedência da utilização dos espaços da antiga Administração Florestal à Autoridade Florestal Nacional, enquanto se considerar neces-sária para o desenvolvimento das actividades no concelho por parte da Direcção Regional das Florestas do Norte. De salientar que os espaços mencionados foram objecto de cedência a esta Câmara Municipal por parte da Autoridade Florestal do Norte, através de um protocolo celebrado em 17 de Abril de 2009 e homologado na mesma data pelo Secretário de Estado das Florestas e do Desenvolvimento Rural.

© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.