Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 07-02-2011

SECÇÃO: Informação

Pela Câmara

Câmara Municipal assina protocolo com Centro de Criatividade

Sob a presidência do Engº Joaquim Barreto, reuniu no dia 27 de Janeiro, a Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto.
Dos assuntos tratados o destaque foi para a renovação do protocolo estabelecido, em 2010, com o Centro de Criatividade da Póvoa de Lanhoso - Centro de Criação Cutural e Intervenção Social, Cooperativa de Interesse Público e Responsabilidade Limitada, tendo em vista dar continuidade ao projecto que vem sendo desenvolvido pelo Centro de Teatro da Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto.
Um projecto transformador e agregador, que visa o desenvol-vimento de actividades artísticas e culturais com incidência na região e que sirva de modelo para o desenvolvimento sócio-cultural, promovendo transformações sociais e económicas, nomea-damente nas áreas da cultura, teatro, turismo, lazer e entretenimento.
Segundo informação divulgada, ao renovar este protocolo, a Câmara Municipal está assim, a dar cotinuidade a um projecto que incide também no intercâmbio de artistas e criadores de reconhecida experiência, com jovens e outros interessados amadores da arte, da cultura e da tradição. Por outro lado, a fusão de saberes e experiências, desenvolve e cria, através de acções de formação e experimentação artística, a memória, a história e a identidade dos povos recorrendo a linguagens cénicas e outras expressões da arte contem-porânea.

Descentralização cultural

Resultante da parceria com o Centro de Criatividade, este projecto enquadra-se por isso, nos objectivos de descentralização cultural que visam contribuir de forma positiva no progresso da região nas áreas de formação e animação cultural, valorizando as tradições, os costumes e a preservação da memória colectiva.
Segundo o protocolo estabelecido, no âmbito deste projecto, para o ano 2011, além das diferentes oficinas disponibilizadas a todas as faixas etárias da população, estão previstas acções tais como: Ditirambos - espectáculo itinerante de raiz popular para todos os públicos; Vira-Vida – espectáculo resultante das oficinas com alunos do Centro de Teatro; Assim sonhamos a nossa história – espectáculo com os alunos do Centro de Teatro; Corso de Carnaval, será uma iniciativa apoiada na realização de esculturas na oficina de formas, que obdecerá a orientações técnicas e artísticas na idealização e concepção do Corso de Carnaval; dinamização de atelier’s de Páscoa, durante os quais serão promovidas intensas actividades de criatividade com a promoção de diversas acções, a decorrer de 11 a 21 de Abril póximo. Para Junho está ainda prevista a apresentação de espectáculos resultantes das oficinas de jogos dramáticos levados a cabo com as crianças. Conjecturado está também, um espectáculo a apresentar pelo Centro de Criatividade da Póvoa de Lanhoso, intitulado ‘A saga de Zacarias’ que sobe ao palco no próximo dia 12 de Fevereiro. Trata-se de um Teatro Gastronómico que terá lugar no Salão Multiusos do Mercado Municipal a partir das 20h00m.
De referir ainda que no âmbito deste projecto, todas as acções e montagens programadas apre-sentarão ensaios didácticos abertos a todos os públicos como forma de incentivar a formação de novas plateias, envolvendo a comunidade local num dinâmica cultural intergeracional.

Nova ligação Cachada – Vinha de Mouros avança

Ainda no decurso da reunião, o executivo municipal autorizou a aquisição de duas parcelas de terreno com uma área total de 84,50 m2, localizadas na freguesia de Refojos. Parcelas estas, cuja aquisição se destina à execução de uma estrada de ligação da Cachada (EN205) a Vinha de Mouros. Trata-se de uma via importante, que uma vez construida contribuirá para garantir melhores acessos a um conjunto de equipamentos municipais loca-lizados em Vinha de Mouros, na freguesia de Refojos.

© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.