Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 17-01-2011

SECÇÃO: Informação

Agenda Digital Telefones inteligentes e telecomandos simples ajudam os idosos e os deficientes a gerirem as suas casas

Com um financiamento da UE de 2,7 milhões de euros, investigadores de Portugal, da República Checa, da Alemanha, da Espanha e da Suécia desenvolveram uma solução que permite aos idosos e aos deficientes comandarem mais facilmente os vários aparelhos e serviços electrónicos nas suas casas utilizando o telemóvel ou outros dispositivos. O projecto “I2HOME” desenvolveu uma interface URC (Universal Remote Console – consola remota universal) personalizada e simplificada, baseada em normas abertas actuais e na sua evolução. Esta interface pode estar instalada num telecomando universal, num telefone móvel, num computador ou noutros dispositivos e ser utilizada para, por exemplo, ligar e programar máquinas de lavar, luzes, aquecimento, ar condicionado, televisões, leitores/gravadores de DVD e outros aparelhos domésticos. A tecnologia pode igualmente ser aplicada fora de casa. Pôr as tecnologias da informação e das comunicações ao serviço dos idosos, dos deficientes visuais ou das pessoas com incapacidade cognitiva permitindo lhes uma vida digna, autónoma e de alta qualidade é um dos principais objectivos da Agenda Digital para a Europa, adoptada pela Comissão Europeia em Maio de 2010

Dados económicos da União europeia

Em Novembro, a taxa de desemprego na zona euro registou um valor de 10,1%, tendo permanecido estável em relação a Outubro. A taxa foi de 9,9% em Novembro de 2009. Na UE, a taxa de desemprego elevou-se a 9,6% em Novembro, valor estável em relação a Outubro. A taxa fora de 9,4% em Novembro de 2009.
De acordo com as segundas estimativas publicadas pelo Eurostat, o PIB da zona euro no terceiro trimestre de 2010 aumentou 0,3% e o da UE subiu 0,5% em relação ao trimestre anterior. No segundo trimestre de 2010, a taxa de crescimento fora de +1% nas duas zonas. Em comparação com o mesmo trimestre do ano de 2009, o PIB da zona euro registou um aumento de 1,9% e o da UE uma subida de 2,2%, face a +2% nas duas zonas no segundo trimestre.

© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.