Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 19-04-2010

SECÇÃO: Informação

Europe Direct
Europeus não estão suficientemente informados acerca da perda da biodiversidade

A Comissão Europeia publicou um inquérito Eurobarómetro que revela que inúmeros europeus não compreendem o conceito de biodiversidade e não consideram estar bem informados acerca da perda da biodiversidade.
O recente inquérito Eurobarómetro revela que a maioria dos europeus considera não estar suficientemente informado acerca da biodiversidade. O novo inquérito «Atitudes para com a biodiversidade» demonstra que apenas 38% dos europeus conhecem o significado do termo, embora 28% já tenham ouvido falar da biodiversidade mas não conhecem o seu significado. Uma maioria pensa que a perda da biodiversidade é uma questão preocupante, embora não se sinta pessoalmente afectada pelo declínio, com apenas 17% dos inquiridos a concordarem que já se encontram afectados pelo declínio. Quando inquiridos sobre as ameaças mais importantes para a biodiversidade, 27% deram prioridade à poluição, com 26% a responsabilizarem os desastres de origem humana. A razão principal citada pelos cidadãos para explicar a sua inacção para pôr termo à perda da biodiversidade é a sua deficiente percepção quanto às medidas a adoptar.
A biodiversidade mundial está severamente ameaçada, com espécies a desaparecerem a um ritmo 100 a 1000 vezes superior ao normal. Mais de um terço das espécies avaliadas encontra-se em risco de extinção e estima-se que se terá verificado uma degradação de cerca de 60% dos serviços ecossistémicos da Terra nos últimos 50 anos. As actividades humanas estão na origem desta perda, através das alterações das qualificações dos solos, sobreexploração, práticas não sustentadas, poluição e a introdução de espécies invasoras que conduziram à destruição, fragmentação e degradação de habitats e das espécies que nelas habitam. As alterações climáticas desempenham também o seu papel.

© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.