Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 19-04-2010

SECÇÃO: Destaque

A ADIB assume-se como uma associação impulsionadora de dinâmicas e respostas sociais

Drª Irene Fontes Presidente da ADIB
Drª Irene Fontes Presidente da ADIB
Na passagem do 25ª aniversário da ADIB, o Ecos de Basto foi ao encontro da Presidente da Direcção, Drª Irene Fontes, para obter um balanço sobre um quarto de século de actividade desenvolvida em diferentes campos de intervenção, tendo como fim o bem-estar das pessoas e desta forma, criando alternativas e respostas para diferentes nichos da população, seja nas crianças, jovens ou menos jovens.
Durante a conversa, a dirigente desta associação juvenil, que é também uma IPSS, deixou ainda algumas ideias para o futuro quanto ao trabalho a desenvolver por esta agremiação, que paulatinamente tem crescido, amadurecido e procurado novos campos de intervenção social.
Referiu que a construção do Centro de Dia e de Apoio Domiciliário é o projecto mais audacioso que tem em mãos, que em breve abrirá portas com o intuito de apoiar o segmento da população mais sénior. Garantiu no entanto, que o apoio às crianças e jovens, assim como às famílias, nomeadamente com a promoção de campos e de colónias de férias, as aulas de música, a formação profissional, o jornal, a dinamização e participação em várias iniciativas de cariz concelhio e regionl, são projectos consolidados que continuarão certamente no futuro. A presidente da Direcção, Drª Irene Fones, realçou ainda a abertura demonstrada por esta colectividade em abraçar novos projectos, acompanhando a evolução dos tempos e estabelecendo parcerias com outras entidades e instruiçãoes, cujo objecto prossiga o desenvolvimento do concelho e a melhoria da qualidade de vida das pessoas que aqui residem.

Centro de Dia e Apoio Domiciliário em projecto
Centro de Dia e Apoio Domiciliário em projecto

Ecos de Basto _ Que balanço faz da actividade desta Associação ao longo dos 25 anos de existência?
Dª. Irene Fontes _ A Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto (A.D.I.B.), criada em 1985, é uma associação privada sem fins lucrativos que visa a dinamização de acções potenciadoras do desenvolvimento global e harmonioso da região de Basto, nomeadamente numa perspectiva social, cultural, económica e recreativa, promovendo um conjunto de acções que, agindo preventivamente sobre os factores de exclusão social, proporcionem uma melhoria das condições de vida da população mais desfavorecida, contribuindo, deste modo, para a revitalização do tecido social. Estes objectivos têm vindo a ser prosseguidos, quer através de acções de formação e de informação – somos proprietários do Jornal “Ecos de Basto” – quer através de várias actividades culturais e recreativas que promovemos, tais como: a dinamização da Escola de Música; a promoção de festivais de folclore, as comemorações do 25 de Abril, actividades desportivas, a participação na organização da Festa das Comunidades e dos Produtos Locais; a promoção de campos de férias para crianças e jovens, destacando a colónia de férias na praia para os mais desfavorecidos. Também a realização de estágios a jovens que saem das escolas profissionais e/ou universidades e a promoção dos cursos de formação no âmbito dos diferentes programas nacionais e comunitários.
Para além destas actividades, saliento ainda que a ADIB acolhe diariamente, nas suas instalações, nos períodos lectivos, cerca de 3 dezenas de crianças que ali desenvolvem actividades de estudo acompanhado, sendo que nas férias atinge cerca de 6 dezenas de crianças, revelando-se esta nossa iniciativa muito importante no apoio às famílias e aos encarregados de educação.
Gostaria de dizer que toda esta actividade tem tido o reconhecimento de entidades oficiais, nomeadamente do IPJ que já nos atribuiu um Troféu de Mérito do Associativismo Jovem, e que, naturalmente, fruto da dinâmica que imprimimos à associação e que é reconhecida por este organismo, fomos um Posto de Informação Juvenil e temos disponível à população em geral um espaço com 6 computadores, no âmbito de um Programa deste Instituto, designado Geração Millennium.
Fomos e somos, também, parceiros de diversos consórcios para o desenvolvimento de projectos de cariz social e cultural, nomeadamente o Basto Jovem, o Progride, o Banco Local de Voluntariado, entre outros, mas também parceiros activos das Juntas de Freguesia, sempre que nos é solicitado, bem como, da Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto na co-organização de alguns eventos e no desenvolvimento de determinados projectos.
O Centro de Dia em fase de conclusão
O Centro de Dia em fase de conclusão
Neste momento, permita-me que aqui refira o generoso contributo que a Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto nos tem dado, naturalmente, reconhecendo o mérito e a importância da nossa acção.


Ecos de Basto _ Quais os projectos para o futuro?
Drª. Irene Fones _ A A.D.I.B. atenta à realidade local, e verificando que poderia aumentar o seu campo de intervenção, criando novos respostas sociais para a comunidade em que estamos inseridos, transformou-se em IPSS – Instituição Particular de Solidariedade Social e, com a ajuda da Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto e do Ministério do Trabalho e da Solidariedade Social, está a desenvolver um projecto de construção de um edifício que terá as valências de Centro de Dia e Serviço de Apoio Domiciliário, para apoiar a população mais idosa.
Por isso, o futuro reserva-nos esta nova actividade, que não vai contudo impedir-nos de continuarmos a desenvolver o conjunto de iniciativas e acções de que já lhe falei, mantendo-nos atentos para, a cada momento, definirmos o aumento da oferta ou a criação de novas respostas sociais, culturais, desportivas ou outras, que caibam na nossa esfera de acção e que contribuam para o desenvolvimento do nosso território e das nossas gentes.

© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.