Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 04-01-2010

SECÇÃO: Destaque

Cabazes de Natal beneficiam 2 mil pessoas

Seiscentos e vinte e nove cabazes de Natal foram distribuidos durante o mês de Dezembro a famílias cabeceirenses, no âmbito da iniciativa «Dezembro com vida», levada a cabo neste concelho. Uma iniciativa da Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto, no âmbito da qual foram dinamizadas várias acções de cariz social e que contou com o apoio do Banco Local de Voluntariado, da CPCJ, da Segurança Social, das empresas municipais, respectivamente, Basto Solidário e Emunibasto e da ADIB – Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto.

Bens alimentares diversificados integraram os cabazes oferecidos
Bens alimentares diversificados integraram os cabazes oferecidos
Leite, azeite, arroz, aletria, bolachas, massa, bacalhau e bolo-rei, foram alguns dos bens alimentares que integraram estes cabazes, cuja entrega beneficiou aproximadamente duas mil pessoas durante a época natalícia.
De referir ainda que parte destes alimentos – 3,5 toneladas – foram angariados através da recolha de bens alimentares levada a cabo pelo Banco Local de Voluntariado nos estabelecimentos comerciais do concelho e no Espaço do Voluntariado.
Os cabazes de Natal foram igualmente personalizados, em função do número de crianças e adultos que compôem os diferentes agregados familiares, com o objectivo de promover a solidariedade junto das famílias mais carenciadas, proporcionando-lhes uma época festiva mais alegre.
A distribuição de bens alimentares prossegue ainda, até ao dia 6 de Janeiro, assim como as visitas domiciliárias, que permitem levar às pessoas e famílias mais fragilizadas, palavras de amizade, carinho, ternura, afecto, fraternidade e amor.
No âmbito desta iniciativa foi realizado um almoço de Natal de combate à solidão, no edifício da Junta de freguesia de Refojos de Basto, proporcionado pela SOS Amigos, assim com distribuidas ceias de Natal e brinquedos às crianças mais necessitadas referenciadas pela CPCJ.
No decurso desta iniciativa é de salientar também, a generosidade da sociedade civil, a colaboração dos estabelecimentos comerciais e o envolvimento de muitas pessoas que se associaram a esta causa solidária angariando bens, distribuindo cabazes e assim, contribuindo para proporcionar um Natal mais feliz a centenas de Cabeceirenses.

© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.