Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 21-09-2009

SECÇÃO: Informação

Os bombos animaram as ruas
Os bombos animaram as ruas
FESTAS DO CONCELHO E AGRO-BASTO
Cartaz promocional de Cabeceiras de Basto

Cabeceiras de Basto é desde o dia 19 e até ao próximo dia 30 de Setembro, o maior ponto de encontro desta vasta região. A Feira e a Festa de S. Miguel de Refojos constituem um dos cartazes de maior atracção de público das terras do norte do país. Em época de colheitas agrícolas, esta feira secular que também é festa, traz ao de cima aquilo que de melhor se produz nesta região, assim como, as suas tradições, de que se destacam as corridas de cavalos, os concursos pecuários e as chegas de bois.
Autarcas e população abriram o portal da feira no dia 20 de Setembro
Autarcas e população abriram o portal da feira no dia 20 de Setembro

Programa diversificado

No primeiro dia de festa, o programa começou com um espectáculo musical animado pelo grupo «Canta Brasil» e com a iniciativa «Noite de Estrelas» nos Claustros do Mosteiro de S. Miguel de Refojos, organizado pela Associação Contacto.
No dia 20 de Setembro, teve lugar a abertura oficial das festas deste ano. Assinalada com salvas de morteiros e a actuação de grupos de Zés Pereiras, sobressaiu a feira de gado cavalar, a abertura do «portal da feira», uma recriação antiga que anualmente abre as portas aos visitantes deste importante certame. Neste mesmo dia milhares de pessoas “invadiram” as principais ruas da vila para ver passar o cortejo etnográfico, que apresenta ao público vários quadros alusivos às actividades, aos usos e tradições das várias freguesias que desfilaram outras roupagens sobre o património concelhio. As profissões, o património, as actividades agrícolas como são as vindimas, as lavradas, as desfolhadas, as malhadas, entre outros painéis como o artesanto, o folclore e as tradições, passando pelos ciclos do linho e da lã, a festa das papas, a levada de víbora, a ponte velha do Arco de Baúlhe, as Águas Santas de Pedraça, o apeadeiro de Vila Nune, assim como a apanha da cereja, a gastronomia, os cesteiros e os tamanqueiros, entre outros fizeram igualmente parte deste cortejo etnográfico, que desfilou ao toque de dezenas de concertinas, cavaquinhos e acordeões, enchendo de entusiasmo e alegria esta vila. Usos e costumes de outrora, produtos e potencialidade locais, foram assim, exaltados neste cortejo que tem como objectivo promover e divulgar a cultura popular e etnográfica desta terra de Basto.
As corridas de cavalos em passo travado
As corridas de cavalos em passo travado

Cenário cosmopolita e de grande beleza

A Feira que também é Festa de S. Miguel continua até ao próximo dia 30 de Setembro com grande animação, dando a esta vila um cenário cosmopolita e de rara beleza. As Corrida de Cavalos em Passo Travado e a animação musical, com a actuação do Grupo Musical «Cantar Portugal», ambas no Parque do Mosteiro, marcam programa do dia 21 de Setembro. O dia 22 de será assinalado, à noite, com cinema ao ar livre, enquanto que no dia 23 de Setembro, pelas 21h30m se realizará uma «vacada», também no Parque do Mosteiro.
As vindimas apresentadas no cortejo
As vindimas apresentadas no cortejo
O programa prossegue no dia 24 de Setembro, pelas 21h30m, com a realização de uma Desfolhada, tradição animada pelo Grupo «Os amigos do Retiro de Pomar de Rainha», no Parque do Mosteiro. No dia 25 de Setembro, a partir das 9h00m, terá lugar a terceira edição das Jornadas Técnicas «As raças autóctones» - I Jornadas Ibéricas, organizadas pela DRAPN/DRAVE e que terão lugar no Auditório Municipal.

As profissões marcaram presença no Cortejo Etnográfico
As profissões marcaram presença no Cortejo Etnográfico
AgroBasto
de 25 a 29 de Setembro

A abertura da Exposição/Feira de Actividades Económicas de Basto – AGROBASTO, certame das actividades económicas das Terras de Basto com maior expressão e importância no contexto regional, que este ano comemora o 33º aniversário, está prevista para a 17h00m, com a presença do Secretário de Estado das Comunidades Portuguesas, Dr. António Braga. Nesta iniciativa, a Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto e a EMUNIBASTO, EM, contam com a colaboração das Autarquias dos concelhos de Basto e dos municípios limítrofes, bem como das associações e organismos ligados à agricultura, pecuária, artesanato, produtos genuínos da terra, vinho e turismo que constituem os principais alvos de atenção desta feira. A promoção e divulgação das potencialidades de Basto onde se incluem os espaços naturais e de rara beleza, como é o caso dos rios, das espécies piscícolas e da caça, das carnes provenientes das raças autóctones do maronês e do barrosão, do Cabrito das Terras Altas do Minho, do mel, do fumeiro e da doçaria regional. A edição da AGROBASTO, de 25 a 29 de Setembro vai decorrer o Mercado Municipal ocupando uma área total de 6000m2. A exposição integra além dos pavilhões cobertos um recinto ao ar livre destinado à promoção/venda de máquinas e alfaias agrícolas, veículos automóveis, bem como um espaço destinado à exposição pecuária e à fauna.
O ciclo do pão
O ciclo do pão
Neste certame estarão presentes uma centena de expositores que trazem à feira o que de melhor se produz nesta região. A jornada encerra pelas 21h30, com a actuação do Grupo «Sete Saias», no palco da Agro-Basto.
No Sábado, dia 26 de Setembro, terá lugar a partir das 10h00m um Passeio Equestre pelas principais ruas da vila, seguindo-se às 15h00m, o III Festival Hipico, no Centro Hípico. Às 15h30m começa o V Encontro de Bombos e Gigantones e pelas 21h30m «Manuel Passos Soalheira» animará a festa no Palco da Agro-Basto. O Grupo de Dança «Ginásio Companhia Atlética», sobe ao palco do Parque do Mosteiro, enquanto que o teatro anima a Praça da República com a peça «Era uma vez…Aqui Bastamos Nós». A noite termina com o espectáculo musical no Parque do Mosteiro com a presença de João Pedro Pais e o tradicional «Baile de Outono» organizado pelo Atlético Cabeceirense, a ter lugar nos Claustros do Mosteiro.
O Jogo do Pau em plena actuação
O Jogo do Pau em plena actuação
No Domingo, dia 27 de Setembro, terão lugar as corridas de Cavalos a Galope, no Parque do Mosteiro. A jornada encerra com a noite de fados no Palco da Agro-basto com a presença de «António Pinto Basto e José Gonçalez».
No dia 28 de Setembro, Segunda-feira, a manhã abre com o grupo de bombos e gigantones a animar as ruas da vila, seguindo-se, às 9h30m, a feira anual de gado bovino e o concurso pecuário aberto à participação dos distritos de Braga e Vila Real. À tarde, pelas 15h00m, é a vez das espectaculares e sempre concorridas chegas de bois deliciarem o público presente no Parque do Mosteiro. À noite tem lugar o arraial minhoto. Nas ruas andarão os cantadores ao desafio acompanhadas pelas concertinas e no palco da Agro-Basto estará a actuação do Grupo «Quadrângulo», seguindo-se, no Parque do Mosteiro, um espectáculo de variedades com os artistas Micaela, Toy, Romana e Rute Marlene e a terminar uma espectacular sessão de fogo de artifício.
Vários divertimentos fazem a alegria de pequenos e graúdos
Vários divertimentos fazem a alegria de pequenos e graúdos
O dia 29 de Setembro, Terça-feira, é o Dia do Município, feriado Municipal. Neste dia de S. Miguel, a principal nota vai para a missa solene a celebrar pelas 11horas, a imponente procissão às 17h00m e para o concerto das bandas Cabeceirense e de Pevidém, a ter lugar na Praça da República.
A tradicional Feira/ Festa de S. Miguel de Refojos, que anualmente regista a afluência de milhares de visitantes devido à grandiosidade e atractividade do concelho, encerra no dia 30 com a tradicional feira das trocas. Pelas 14h00m, uma Gincana de Jumentos, animará as ruas da Feira e o Parque do Mosteiro.


Os Presidentes de Câmara e Assembleia Municipal e o Deputado António José Seguro provam broa de Cabeceiras
Os Presidentes de Câmara e Assembleia Municipal e o Deputado António José Seguro provam broa de Cabeceiras

A tradicional corrida de burros
A tradicional corrida de burros


Os produtos da terra são muito apreciados
Os produtos da terra são muito apreciados





















© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.