Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 08-06-2009

SECÇÃO: Formação em acção

Formação em acção

Porque formar é aprender…
Sendo o processo de formação um caminho constante e construtivo de conhecimento, um dos pontos de percurso foi o tema de vida Exclusão/Educação Social. Depois de trabalhado este tema nas várias sessões formativas, os formandos do curso de Técnico Comercial sentiram- se capazes de reproduzir e reflectir sobre o conceito, mostrando interesse e vontade em apresentar resultados de uma investigação realizada nas nossas ruas. Tal investigação constou de um inquérito aos cabeceirenses sobre a problemática da Exclusão Social.
Na sequência deste trabalho, foram elaboradas outras tarefas das quais se destacam estas hipotéticas notícias que relatam as actividades desenvolvidas no âmbito deste estudo, não só para reactivar conhecimentos sobre o discurso jornalístico, como igualmente dar conta do trabalho de investigação realizado.

Grupo I

“Sendo a vila de Cabeceiras de Basto, nos últimos anos, tem revelado um crescimento notável, não tem escapado, no entanto, ao problema de exclusão social, um dos grandes males mundiais.
Elaborámos um inquérito destinado a apurar os conhecimentos dos cabeceirenses sobre a exclusão social. Para isso, a nossa equipa resolveu sair à rua e lançar questões directas e simples à população. Depois de várias entrevistas, concluímos que este é um é um problema, de facto presente no nosso concelho. As entidades responsáveis desenvolvem esforços crescentes no apoio às pessoas mais carenciados.”


Grupo II

“ Sendo a exclusão social ainda uma realidade, decidimos, formar dois grupos de trabalho e saímos a questionar as pessoas sobre esta problemática.
Os resultados revelam falta de conhecimento da parte dos inquiridos sobre o tema, embora o seu testemunho permita concluir que a exclusão social afecta ainda alguns dos cabeceirenses. Foi objecto de estudo o conjunto de entidades eu se dedicam à análise dos casos de exclusão social e reconhecida a dificuldade em aceder a todas as situações com que dia a dia são confrontadas. Reconhece-se todavia que todos os esforços estão a ser desenvolvidos para que este problema seja superado.”

© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.