Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 06-04-2009

SECÇÃO: Informação

Pela Câmara
Autarquia apoia colectividades locais

foto
Atlético Cabeceirense recebe apoio


Segundo informação divulgada, ao Atlético Cabeceirense foi atribuído um apoio financeiro no montante de 36.500 euros. Uma verba que se destina a apoiar o desenvolvimento de actividades desportivas e formativas para com os juniores, juvenis, iniciados e escolinhas, durante o corrente ano. Recorde-se que o Atlético Cabeceirense é uma das colectividades de maior prestígio do concelho que persegue a promoção desportiva e a ocupação salutar dos tempos livres, sobretudo das camadas mais jovens da população. Assim sendo, a Autarquia e o Atlético Cabeceirense procederam à assinatura de um Contrato-Programa que define os direitos e os deveres das partes e o desenvolvimendo actividades com vista à formação desportiva e à captação de jovens para a prática desportiva.

Judobasto recebe apoio

A Câmara Municipal decidiu igualmente apoiar a Associação de Judo das Terras de Basto –Judobasto, atribuindo-lhe um subsídio no valor de 250 euros, com o obectivo de ajudar a custear as despesas tidas com a realização do torneio de Judo Maik Neto e a formação de Katas, realizada nos dias 13 e 14 de Março. Trata-se por isso de uma modalidade, cuja prática a autarquia tem vindo a incentivar junto das camadas mais jovens. A Associação por sua vez tem realizado diversas actividades em Cabeceiras de Basto, nomeadamente encontros/torneios, acções de formação, cursos de árbitros, acções de formação para atletas, entre outras.
foto

ARCA agradece

Ainda no campo dos apoios concedidos às colectividades locais, o executivo tomou conhecimento de missiva enviada pela ARCA – Associação Recreativa e Cutural do Arco de Baúlhe, agradecendo o apoio da Autarquia aquando da organização do Corso Carnavalesco que esta associação promove anualmente e que atrai àquela vila arcoense, milhares de pessoas.

Aquisição de terrenos viabiliza investimentos

Segundo informação divulgada, o executivo decidiu ainda adquirir uma parcela de terreno com área de 235 m2 tendo em vista a execução da Via Circulante Lamas/Barbeito/Sobreira,em Refojos. Uma via estruturante,cujo projecto foi igualmente aprovado nesta reunião, bem como autorizada a abertura do concurso público referente à primeira fase da obra.
O projecto de reformulação e ampliação da Rua Dr.Agostinho Moutinho, foi também levado à Câmara e aprovado pelo seu executivo. Trata-se de um acesso que vai ser reformulado com o objectivo de criar alternativas viárias e melhorar as condições de mobilidade no centro desta vila cabeceirense.
A Câmara anuiu ainda a aquisição de uma parcela de terreno, com área de 28.500m2, à Assembleia de Compartes de Baldios de Vila Nune. Esta aquisição, avaliada em 1.425,00 Euros, destina-se a viabilizar a construção de infra-estruturas e acessibilidade da Zona Industrial perspectivada para aquela freguesia de Vila Nune, que se localiza a sul do concelho.
Por fim, a Câmara tomou conhecimento do relatório elaborado pela DREN – Direcção Regional de Educação do Norte, na sequência de uma visita de acompanhamento efectuada na EB 1 da Faia, no âmbito do programa de Generalização das Actividades de Enriquecimento Curricular (2008/2009). Um documento que apresenta o balanço e as recomendações sugeridas por aquela entidade, que se revelaram dentro da normalidade, reflectindo assim a aplicação de boas práticas.

© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.