Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 16-03-2009

SECÇÃO: Informação

IPCA promove CET em Contabilidade
Autarquia aposta na Formação dos Cabeceirenses

Quinze cabeceirenses frequentam a partir do dia 27 de Fevereiro, o Curso de Especialização Tecnológica de Contabilidade.

Sessão de abertura do Curso de Especialização Tecnológica - Contabilidade
Sessão de abertura do Curso de Especialização Tecnológica - Contabilidade
Trata-se de uma formação ministrada pelo IPCA – Instituto Politécnico do Cávado e do Ave, a ter lugar em Cabeceiras de Basto, nos próximos quinze meses, sendo doze em contexto de formação e três em local de trabalho, correspondente ao nível 4 e destinada aos alunos que possuam o 12º ano ou o 11º ano completo com frequência do 12º ano, permitindo assim, a equivalência ao 12º ano com entrada especial no ensino superior.
Este CET, que resulta de uma parceria estabelecida com a Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto, permite o desenvolvimento integral de competências do indivíduo nas áreas tecnológica e científica, preparando profissionais para o ingresso no complexo mercado de trabalho, cada vez mais mutável e exigente na área contabilística e fiscal, conferindo simultaneamente aos participantes, competências para efectuar trabalhos técnicos inerentes à contabilidade empresarial, nomeadamente nos domínios do planeamento, organização, controlo e avaliação, em conformidade com o normativo legal aplicável.

Valorizar e qualificar os recursos humanos

Na cerimónia de abertura deste Curso, onde estiveram presentes alunos, formadores, técnicos municipais e daquele instituto de ensino superior, a vereadora do pelouro, Profª Stela Monteiro e o Director da Escola Superior de Gestão do IPCA, Agostinho Silva, o Presidente da Câmara, Engº Joaquim Barreto, disse trata-se de mais uma iniciativa municipal que visa a valorização e a qualificação dos seus recursos humanos. Referiu ainda, que com este tipo de acções, a Autarquia está a contribuir para que seja mais fácil a inserção dos Cabeceirenses no mercado de trabalho, cada vez mais competitivo.
Recorde-se que nos últimos anos a autarquia tem disponibilizado importantes meios, quer humanos, físicos ou financeiros, no sentido de proporcionar a realização de inúmeras acções de formação, qualificação e de certificação de competências, vocacionadas quer para os jovens, quer para a população adulta, sejam activos ou desempregados.

Colocar no mercado de trabalho pessoas mais qualificadas

Por sua vez, o Presidente do IPCA, Dr. João Carvalho, enalteceu esta iniciativa da Câmara Municipal que considera muito importante para a valorização dos recursos humanos e permite colocar no mercado de trabalho, pessoas mais qualificadas, ao mesmo tempo que possibilita o ingresso em outros graus do ensino superior do IPCA.
No âmbito da parceria estabelecida, cabe ao IPCA a responsabilidade da gestão pedagógica e científica dos Cursos, bem como a afectação do pessoal docente, enquanto que a autarquia cabeceirense assume a responsabilidade pelas instalações, os equipamentos e o apoio técnico e administrativo indispensáveis à qualidade da formação.
A aposta no Ensino Superior assumida entre estas duas entidades permite assim, aumentar a oferta aos jovens cabeceirenses em áreas de especialização tecnológica.
Na ocasião foi ainda anunciada para breve, a abertura de um outro CET na área do “Desenvolvimento do Produto Multimédia”

© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.