Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 28-07-2008

SECÇÃO: Cultura

Governo apresenta novos empreendimentos rodoviários em Terras de Basto

O Secretário de Estado falou aos presentes
O Secretário de Estado falou aos presentes
O Secretário de Estado Adjunto, das Obras Públicas e das Comunicações, Dr. Paulo Campos, deslocou-se no dia 21 de Julho, a Cabeceiras de Basto para visitar a obra de construção da variante que liga às EENN 205 e 210, em Arco de Baúlhe.
Acompanhado pelo Presidente da Câmara Municipal, Engº Joaquim Barreto, vereadores, deputados municipais, demais autarcas, técnicos e convidados, aquele membro do Governo visitou in loco esta importante via com 4km de extensão e um custo estimado de 3M€.
Uma variante que tem como principais objectivos desviar o tráfego de passagem do centro urbano do Arco de Baúlhe, permitir um acesso seguro e rápido entre o Nó de Basto, na A7, e a sede do concelho, e desta forma conferir uma maior identidade entre os Municípios da Região de Basto.
O viaduto que atravessa o Vale de Basto
O viaduto que atravessa o Vale de Basto
Uma iniciativa aplaudida pelo edil cabeceirense que na ocasião, manifestou a sua satisfação pelo lançamento de obras que permitem uma perfeita ligação rodoviária nas Terras de Basto, facto que se reveste de grande importância, já que a construção de uma via estruturante permite, não só a ligação entre os quatro concelhos de Basto, mas também para conferir alguma coesão à região. O autarca disse ainda, que os investimentos públicos são sempre bem-vindos, sobretudo quando há uma boa colaboração entre várias entidade, permitindo assim, a concretização de obras que contribuem para o progresso e o desenvolvimento destes concelhos.

Novas vias reduzem sinistralidade
Autarcas, Técnicos e Populares visitaram a obra em curso
Autarcas, Técnicos e Populares visitaram a obra em curso

Segundo aquela Secretaria de Estado, a construção de troços como estes contribuirá certamente, para a redução da sinistralidade rodoviária nos distritos de Braga e de Vila Real.
Recorde-se que em Braga, a sinistralidade, nos últimos anos, baixou quase 50 por cento (de perto de 10 mortos/100.000 habitantes em 2004 para 5/100.000 em 2007). Por sua vez em Vila Real o cenário é muito semelhante, atingindo os 50 por cento (de 12 mortos/10.000 habitantes em 2004 para 6/100.000 em 2007).
Na ocasião o Secretário de Estado, Dr. Paulo Campos, agradeceu a presença de todos nesta jornada por Terras de Basto, que teve o seu início em Mondim, passando por Celorico e terminando em Cabeceiras de Basto, onde verificou o bom andamento dos trabalhos de construção da Variante, que se prevêm concluídos em Dezembro do corrente ano. Realçou, na oportunidade a importância deste tipo de empreendimentos que espera dê resultados e contribua para aumentar a qualidade de vida das pessoas.

© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.