Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 16-06-2008

SECÇÃO: Informação

Junta de Freguesia de Vila Nune inaugura Capela Mortuária

Inauguração da Capela Mortuária
Inauguração da Capela Mortuária
Os Presidentes da Câmara e da Assembleia Municipal de Cabeceiras de Basto, Engº Joaquim Barreto e Dr. Serafim China Pereira, respectivamente, vereadores, Presidentes de Junta de Freguesia, deputados municipais, demais autarcas e população em geral, estiveram no passado dia 13 de Junho em Vila Nune, para proceder à inauguração da Capela Mortuária da freguesia. Uma obra há muito ansiada pela população local e executada pela Junta de Freguesia de Vila Nune com o apoio da Paróquia e do Conselho Directivo de Baldios daquela localidade.
O Presidente da Câmara enalteceu o trabalho realizado
O Presidente da Câmara enalteceu o trabalho realizado
Na ocasião, o Presidente da Junta, Avelino Sousa, era um homem feliz por ter concretizado uma das mais importantes obras previstas no plano de actividades daquela autarquia. Um processo com avanços e recuos, que agregou vontades e finalmente se concretizou.
No uso da palavra, o presidente da Assembleia Municipal, Dr. Serafim China Pereira, mostrou-se satisfeito pela concretização de mais uma obra que beneficia a população, já que proporciona melhores condições para enfrentar momentos difíceis que marcam a vida das pessoas.
O Párco benze as novas instalações
O Párco benze as novas instalações
Por sua vez, o Presidente da edilidade, Engº Joaquim Barreto, enalteceu a obra feita, com gosto e funcionalidade, esteticamente enquadrada, exemplo da arquitectura ao serviço da comunidade. A freguesia tem agora um novo espaço, condigno, que vem suprimir uma lacuna antes existente. Na oportunidade, o autarca felicitou a Junta de Freguesia, na pessoa do seu Presidente, bem como todos os que estiveram envolvidos na concretização desta obra, nomeadamente o Arquitecto Miguel Sousa, a residir em Vila Nune e que de forma abnegada se dedicou à concretização deste projecto, que dignifica a freguesia e é colocado ao dispor da população.
A cerimónia de inauguração da Capela Mortuária de Vila Nune foi antecedida pela celebração de uma eucaristia e benção das novas instalações pelo pároco local.
De realçar por fim, a colaboração da população na concretização de algumas obras levadas a cabo, nomeadamente através da cedência de terrenos. Referimo-nos neste caso à benfeitoria da proprietária da Casa da Granja, que ao disponibilizar terrenos contribuiu para traçar e levar a cabo projectos que beneficiam toda a freguesia.

© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.