Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 24-03-2008

SECÇÃO: Informação

Cabeceiras recebeu Seminário Internacional da Memória

A Casa Municipal da Cultura acolheu no dia 15 de Março, o segundo Seminário Internacional da Memória e da Cultura Visual. Tratou-se de uma iniciativa organizada pela AGIR – Associação para a Investigação e Desenvolvimento Sócio-cultural, com sede na Póvoa de Varzim que uma vez mais, com o apoio da Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto e da Emunibasto, trouxe ao concelho um naipe de estudiosos de áreas como, ciências sociais, arquitectura, imagem, design, fotografia, entre outras. O Seminário versou a descodificação de valores da memória, das imagens e dos filmes, constituindo-se como um espaço interdisciplinar e internacional para debater e reflectir as questões relativas à memória e à imagem.
Num mundo cada vez mais global, onde a imagem e o filme se sobrepõem ao texto, procura-se conhecer e descodificar valores subjacentes aos mesmos, referiu a organização do evento.

O Vice-Presidente Dr. Jorge Machado encerrou a jornada
O Vice-Presidente Dr. Jorge Machado encerrou a jornada
Assim, durante a jornada, foram partilhadas viagens a outras sociedades e culturas e/ou memórias, quer sob a forma de comunicações, posters, vídeos ou fotografias.
Numa altura em que as artes e a cultura visual desempenham um papel crucial no desenvolvimento pessoal e cultural dos cidadãos, os promotores tendem ainda para que tal possa contribuir para potenciar a dimensão artística do homem.
Recorde-se que esta associação, conta com cerca de 160 associados de várias nacionalidades, sendo que um terço provém de áreas disciplinares como arqueologia, antropologia, sociologia, enfermagem, animação sócio-cultural, entre outras.



© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.