Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 15-12-2007

SECÇÃO: Opinião

Versos

I

Deus escreve por linhas tortas
Toda a gente o sabe a sério
Mas como ele consegue isso
É que é um grande mistério.

II

foto

Graças a Deus muitas
Pois Ele merece cada vez mais
Mas graças com Deus nenhumas
Nenhumas, nunca jamais.

III

Com Deus nunca se brinca
São palavras de grandes sábios
Ao pronunciar o Seu Santo nome
Temos que ter limpos, os lábios.

IV
foto

Os lábios e a nossa boca
Devem irradiar limpeza e luz
Para que possamos pronunciar
O belo nome de Jesus.

V

Católicos ou não católicos
Serão tão bons como os que o são
Se nunca pronunciarem
O nome de Jesus em vão.

VI

Deus terá compaixão
Por todo o pobre pecador
Se ele remar na direcção
De louvar o seu Senhor.

VII

Se todos fossem mais irmãos
Em Cristo, Nosso Senhor
Teríamos a certeza absoluta
De desfrutar do Seu Amor.


VIII

Vamos por esse mundo além
Espalhar a fé de Cristo, Senhor
E, em recompensa teremos
A bondade do seu Amor.

IX

Senhor nós somos fracos
Tendemos a seguir o mal
Mas, pelo Vosso filho, vos pedimos
Não nos deixeis cair em tal.

X

Nem todas as forças do mal
Nem os famigerados ateus
Conseguirão desviar a crença
Que os católicos têm em Deus.


Pedraça, 05 de Outubro de 1995

Autor: Armindo de Freitas Monteiro

© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.