Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 31-10-2007

SECÇÃO: Opinião

Um livro sobre o amor aos livros

foto
Daniel Pennac, um dos grandes romancistas da actualidade francesa, para além de uma vasta obra romanesca, faz incursões por outros géneros como o ensaio, o teatro, o conto, a fábula e a banda desenhada. Mas é no âmbito do ensaio que sugiro o livro “Como um romance” deste autor. De uma forma singular, quase poética, Pennac disserta sobre os porquês da falta de vontade dos jovens de hoje para a leitura, problemática, aliás, muito discutida pelos mais variados actores sociais intervenientes no processo educativo. O autor aborda a questão com sentido de humor mas, ainda assim, de uma forma séria e demonstra que o verbo ler é avesso ao imperativo:

“O verbo ler não suporta o imperativo. É uma aversão que compartilha com outros: o verbo amar… o verbo sonhar… É evidente que se pode sempre tentar. Vejamos: “Ama-me!” “Sonha!” “Lê!”. “Lê, já te disse, ordeno-te que leias!”
- Vai para o teu quarto e lê!
foto
Resultado?
Nada.”

Como Um Romance é, assim, uma obra profundamente original, onde, de uma forma simultaneamente divertida e muito séria, se aborda aquela que é, porventura, a questão central de que dependem o destino do livro e da cultura tal como a temos entendido tradicionalmente.
Um dos aspectos que marca esta obra é aquele que se prende com o que Pennac designa por “Direitos do Leitor”, numa sucessão de dez premissas que nos fazem pensar, concordando com elas ou não. Fica aqui o registo:

- O direito de não ler
- O direito de saltar páginas
- O direito de não acabar um livro
- O direito de reler
- O direito de ler não importa o quê
- O direito de amar os “heróis” dos romances
- O direito de ler não importa onde
- O direito de saltar de livro em livro
- O direito de ler em voz alta
- O direito de não falar do que se leu

Autor: Daniel Pennac
Título: Como um Romance
Editora: Edições ASA 
Colecção: Pequenos Prazeres

Por: Joana Barbosa

© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.