Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 15-10-2007

SECÇÃO: Região

Pela Câmara
Colectividades recebem apoio de 76 mil euros

Reunida no dia 11 de Outubro no edifício dos Paços do Concelho, a Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto decidiu apoiar diversas associações e clubes, tendo em vista contribuir para o desenvolvimento das actividades previstas nos respectivos planos de actividades, seja de cariz cultural, desportivo, social, recreativo entre outras. Segundo informação divulgada, esta decisão enquadra-se numa politica de parcerias que o município tem vindo a estabelecer com diversas agremiações, através da atribuição de subsídios que permitem a realização de diversas actividades, bem como, a construção de infra-estruturas capazes de contribuir para o desenvolvimento desta terra, através de uma colaboração que se pretende cada vez mais activa.

foto
Bombeiros e Atlético Cabeceirense recebem maior fatia


Do montante global de 76.000 euros, destaca-se o apoio de 25.000 euros atribuído à Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários Cabeceirenses, verba que se destina a fazer face às despesas inerentes à aquisição de uma nova ambulância para o serviço de saúde a prestar à população local. Igual quantia foi atribuída ao Atlético Cabeceirense tendo em vista continuar a desenvolver as actividades desportivas e formativas que este importante clube local, actualmente a militar na Divisão de Honra da Associação de Futebol de Braga, vem efectuando ao longo dos anos.
O Desportivo do Arco de Baúlhe, recebeu também um subsídio no valor de 9.500 euros destinado a fomentar a prática do futebol, modalidade que regista grande número de adeptos e envolve um número significativo de atletas.
Por sua vez, à Associação Cultural e Desportiva Águias de Alvite foi atribuído um valor de 3.750 euros e ao Desportivo de Cavez o montante de 2.000 euros, verbas estas, destinadas a apoiar e a incentivar a formação desportiva no concelho.
Ainda no âmbito desportivo, o executivo decidiu atribuir a quantia 2.000 euros à Associação Cultural e Desportiva de S. Nicolau de Basto, tendo em vista o desenvolvimento de várias actividades desportivas, assim como contribuir para alguns melhoramentos nas instalações de que dispõe. Também a Associação Contacto Futsal Clube, recebeu um apoio monetário de 1.500 euros para as diversas actividades que se propõe realizar.
foto

Agremiações culturais contempladas

Nesta reunião, a Câmara Municipal decidiu ainda, apoiar a cultura, disponibilizando para o feito uma parcela desta leva de subsídios agora atribuídos, de que se destaca a quantia de 4.000 euros para a Banda Cabeceirense. Recorde-se que a centenária filarmónica acolhe uma escola de música frequentada por cerca de quarenta jovens que semanalmente participam nas aulas ministradas na Casa da Música, em Refojos. Esta verba destina-se ainda à aquisição e manutenção dos diversos instrumentos existentes.
Também a AGIR – Associação para a Investigação e Desenvolvimento Sócio-Cultural, recebeu uma comparticipação no valor de 750 euros destinada a ajudar a custear as despesas inerentes à organização do III Congresso Internacional sobre Etnografia que esta colectividade levou a cabo em Cabeceiras de Basto.
Por sua vez, à Associação Cultural Recreativa e Desportiva Nuno Álvares, de Pedraça, foi atribuída a quantia de 500 euros tendo em vista apoiar as despesas inerentes à realização do desfile “Deuses da Grécia Antiga”, bem como apoiar posteriores actividades que esta colectividade venha a desenvolver.
Ao Centro Cultural, Social e Desportivo dos Trabalhadores da Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto foi atribuído o valor de 2000 euros. Uma verba que se destina a levar a cabo diversas actividades entre as quais a Festa de Natal dos Trabalhadores.

© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.