Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 15-09-2007

SECÇÃO: Golpe de vista

Boas Notícias

Por feliz coincidência encontrava-me num local onde se falava do ponto de situação de algumas obras de grande importância para o nosso concelho. Foi uma oportunidade que aproveitei para me informar, podendo agora partilhar essa informação com os estimados leitores.
A Estrada Nacional 205, entre o Cabeceiras de Basto e o Arco de Baúlhe, está já a ser beneficiada. Com mais de uma década, o seu pavimento apresentava problemas e esta reparação tornará mais confortável e segura a viagem entre as duas localidades.
No passado dia 7 de Setembro foi assinado nos Paços do Concelho o auto de consignação da variante às Estradas Nacionais nºs. 205 e 210 que ligará o Nó da Auto-Estrada, no Arco de Baúlhe, à Zona Industrial de Lameiros. Atravessará a Faia onde se situará um nó de ligação à EN 206. O prazo de execução desta autêntica via rápida é de 15 meses, pelo que, estando a obra em condições de avançar de imediato, significa poder ficar pronta no final de 2008.
Fiquei também a saber que a Câmara Municipal de Cabeceiras de Basto tem já em execução o projecto da estrada que ligará depois aquela variante a Refojos e que será uma estrada com as mesmas características daquela.
Outra das novidades que ouvi, foi a de que está marcada para o próximo dia 20 de Setembro a assinatura do auto de consignação para a recuperação do órgão de tubos da Igreja do Mosteiro de S. Miguel de Refojos o que significa que o arranque dos trabalhos estará para muito breve.
Soube ainda que foram abertas as propostas para a construção do Centro de Emprego das Terras de Basto, decorrendo neste momento o período de reclamações. Haverá assim condições para adjudicar a obra dentro de muito pouco tempo, talvez um mês.
Mas, sabemos também que a Unidade de Internamento público avança a bom ritmo. Mais uma infra-estrutura de relevante importância para os cabeceirenses.
Outro grande investimento é a Piscina do Arco de Baúlhe. Aqui, os arranjos exteriores estão quase concluídos. Brevemente estará ao serviço da população.
Soube igualmente que a EDP se prepara para lançar, talvez no primeiro trimestre de 2008, o concurso para a concepção e construção da Central de Biomassa que ficará situada na freguesia de Vila Nune.
Investimentos vultuosos como se constata.
É caso para dizer: Cabeceiras de Basto continua a trilhar caminhos de progresso.
Talvez nem todos saibam como isto é possível. Mas certamente não se fica a dever a obra do acaso.
Há com toda a certeza muita determinação, muita persistência, muito trabalho.

A. C.

© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.