Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 30-06-2007

SECÇÃO: Última Página

NO FINAL DO MÊS DE JULHO A7 LIGARÁ À A24 EM VILA POUCA
LIGAÇÃO EM AUTO-ESTRADA ENTRE VISEU E CHAVES ESTÁ COMPLETA

A inauguração no passado dia 24 de Junho, do troço entre Fortunho e Vila Pouca de Aguiar, completou a ligação por auto-estrada, ao longo de 155 quilómetros, entre Viseu e Chaves.
O último troço foi inaugurado pelo primeiro-ministro para quem a abertura desta via colocou o distrito de Vila Real num patamar de concretização do plano rodoviário nacional acima da média nacional.
Para o governante, a A24 vai melhorar a qualidade de vida dos transmontanos e tornar o distrito mais atractivo em termos económicos e de segurança.

Joaquim Barreto cumprimentando o Primeiro-Ministro
Joaquim Barreto cumprimentando o Primeiro-Ministro
Sendo a EN2, a estrada nacional que atravessa Vila Real, ligando Chaves a Viseu, uma estrada com um índice de sinistralidade considerável, a abertura da A24, uma verdadeira alternativa em regime SCUT (sem custos para o utilizador – sem portagens), reduzirá com toda a certeza a sinistralidade, como tem acontecido sempre quando entram em funcionamento auto-estradas, referiu José Sócrates.
O traçado total desta auto-estrada inclui 37 viadutos e 21 nós de ligação e custou 726 milhões de euros. Este último troço, aberto agora ao tráfego, integra um viaduto com 1.350 metros de comprimento e altura de 100 metros.
A esta auto-estrada nº 24 vai ligar já no final do mês de Julho a A7 (Vila do Conde – Vila Pouca de Aguiar) e num futuro próximo a A 4 (Matosinhos – Bragança)


Importância para Cabeceiras de Basto

Joaquim Barreto encontrou-se com o Ministro da Saúde
Joaquim Barreto encontrou-se com o Ministro da Saúde

Joaquim Barreto foi visto pela nossa reportagem na cerimónia de inauguração desta auto-estrada, em Vila Pouca de Aguiar. Questionado sobre a importância da abertura ao tráfego desta infra-estrutura, o presidente da Câmara de Cabeceiras de Basto referiu que esta auto-estrada permitirá já no final do mês de Julho, com a inauguração do troço de ligação da A7 a esta A24, em Vila Pouca, uma ligação rápida do concelho de Cabeceiras de Basto a Chaves e, consequentemente, à Espanha e à Europa, mas também a Vila Real. Disse ainda: «estas ligações em auto-estrada são muito importantes para o desenvolvimento do concelho de Cabeceiras de Basto e de toda a região de Basto porque encurta distâncias de uma forma muito significativa. Se antes demorávamos mais de uma hora a chegar quer a Chaves quer a Vila Real, a partir de agora ficaremos a 25/30 minutos de cada uma das cidades. Isto é um passo gigante em termos de acessibilidades para toda a nossa região que terá reflexos no desenvolvimento económico das Terras de Basto».


Joaquim Barreto com Ministro da Saúde


À margem da inauguração do troço da A24 e aproveitando o facto do Ministro da Saúde se encontrar naquela cerimónia, no âmbito do Governo Presente que levou ao distrito de Via Real, nesse fim-de-semana, um número considerável de governantes, o presidente da Câmara de Cabeceiras de Basto aproveitou para falar com Correia de Campos. Estando neste momento em construção a Unidade de Internamento Pública de Cabeceiras de Basto e estando previstas outras alterações no mapa nacional dos serviços públicos de saúde, certamente Joaquim Barreto não quis perder esta oportunidade para saber, junto do ministro, novidades sobre eventuais transferências de competências, mas também para reivindicar o que entende ser o melhor para o seu concelho.

© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.