Associação Dinamizadora dos Interesses de Basto
Edição de 29-09-2014

Arquivo: Edição de 10-05-2010

Galeria

Na Cancela foi criada uma zona de protecção para passageiros
ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal

ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal

ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal

ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal

ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal

ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal

ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal
Roladores de Basto promovem Rota do Guerreiro
ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal

ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal
D. Manuel Martins na sua dissertação
ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal
Os participantes receberam troféus e medalhas
ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal
Joaquim Barreto na sua intervenção do 25 de Abril na Assembleia Municipal
ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal
Nas crianças estão a força e o futuro do 25 de Abril
ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal

ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal

ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal

ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal
1- Tomando banho no rio Peio em Cabeceiras de Basto. 2- Soldados à beira do rio no poço de Frade em Cabeceiras. 3 – Casa da residência do advogado do dr. Canavarro de Valadares, em Cabeceiras, cujo o mobiliário foi completamente destruído.
ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal
1- A identificação de D. João d’Almeida  diante do chefe dos guardas 2- na secretaria da prisão. 3- O padre Domingos Barroso, que foi prior em Cabeceiras e para o qual não houve uniforme que servisse.
ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal
D. João d’Almeida, entregando todos os seus papeis na secretaria da Penitenciária. (Gliches de Benoliel)
ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal
Em Cabeceiras de Basto os tribunaes marceaes começaram a funcionar logo a seguir aos de Chaves, tendo os seus condenados sido conduzidos para o Porto, d’onde partirão para cumprir as sentenças na penitenciaria de Lisboa.
ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal
OS SOLDADOS DA REPUBLICA DO NORTE
ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal
1- 1ºs Cabos da «coluna negra». 2- O destacamento de infantaria 5, que foi de Cabeceiras a Vieira buscar presos.
ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal
1- Cabeceiras: O desfilar de um carro de condenados em frente do tribunal onde foram julgados. 2- Parte da casa do contador do juízo de Cabeceiras antes de ser incendiada. 3- Alguns réus que foram condenados pelo tribunal marcial
ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal

ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal

ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal

ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal

ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal

ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal

ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal

ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal

ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal

ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal

ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal
O edil Cabeceirense na assinatura do protocolo
ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal

ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal

ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal
Eugénio Aguiar Leite em plena actuação
ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal
Centro de Dia e Apoio Domiciliário em fase de conclusão
ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal
Pista Internacional de Pesca Desportiva em Cavez
ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal

ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal
Os jovens de visita à Casa da Música, no Porto
ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal

ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal

ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal

ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal

ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal

ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal

ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal

ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal

ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal

ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal

ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal
O Presidente da Câmara, Engº Joaquim Barreto e a Profª Maria do Céu Caridade na abertura desta Semana do Agrupamento
ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal

ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal

ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal
1- Tomando banho no rio Peio em Cabeceiras de Basto. 2- Soldados à beira do rio no poço de Frade em Cabeceiras. 3 – Casa da residência do advogado do dr. Canavarro de Valadares, em Cabeceiras, cujo o mobiliário foi completamente destruído.
ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal
1- A identificação de D. João d’Almeida  diante do chefe dos guardas 2- na secretaria da prisão. 3- O padre Domingos Barroso, que foi prior em Cabeceiras e para o qual não houve uniforme que servisse.
ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal
D. João d’Almeida, entregando todos os seus papeis na secretaria da Penitenciária. (Gliches de Benoliel)
ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal
Em Cabeceiras de Basto os tribunaes marceaes começaram a funcionar logo a seguir aos de Chaves, tendo os seus condenados sido conduzidos para o Porto, d’onde partirão para cumprir as sentenças na penitenciaria de Lisboa.
ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal
OS SOLDADOS DA REPUBLICA DO NORTE
ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal
1- 1ºs Cabos da «coluna negra». 2- O destacamento de infantaria 5, que foi de Cabeceiras a Vieira buscar presos.
ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal
1- Cabeceiras: O desfilar de um carro de condenados em frente do tribunal onde foram julgados. 2- Parte da casa do contador do juízo de Cabeceiras antes de ser incendiada. 3- Alguns réus que foram condenados pelo tribunal marcial, em transito para F
ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal

ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal

ver noticia ampliar foto adicionar foto n' O Meu Jornal

 

© 2005 Jornal Ecos de Basto - Produzido por ardina.com, um produto da Dom Digital. Comentários sobre o site: webmaster@domdigital.pt.